Clubes de mães proporcionam inclusão por meio de trabalhos manuais

A AFASC tem, atualmente 142 clubes de mães e 12 oficinas de artesanatos (mosaico e pintura em tecido). Os trabalhos são realizados com o auxílio de 30 monitoras

Foto: Clubes de mães

- PUBLICIDADE -

Incluir é proporcionar experiências, é criar memórias, é permitir que o outro esteja onde, quando e como quiser, é oportunizar. Com a sensibilidade de quem presta serviços sempre pensando no bem estar das pessoas a Associação Feminina de Assistência Social de Criciúma (AFASC), por meio do departamento de Clube de Mães, oferta encontros semanais nos bairros do município, os quais envolvem, aproximadamente, três mil mulheres; muitas delas portadoras de necessidades especiais e com talento ímpar.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

É o caso de Valdete Barbosa, do clube Jardim União do qual faz parte há quase 36 anos. Deficiente visual, ela faz lindas peças de crochê e diz que participar do clube de mães é se sentir abraçada. “Além dos trabalhos manuais e mais importante do que eles é que me sinto abraçada por todas do grupo, fiz muitas amizades, passeios incríveis, inclusive no Circuito Cultural. As meninas brincam comigo porque estou sempre bem humorada e isso contagia o grupo”, revelou.

No bairro Vila Rica, mãe e filha participam do serviço. Zenaide Souza Passos é mãe de Janaína, deficiente auditiva. “A Janaina produz lindos trabalhos. Ela borda, faz crochê, tricô e, principalmente, tem uma vida social ativa graças ao clube de mães, onde ela sempre teve acolhimento. Isso é muito importante para ela e para a nossa família”, assinalou Zenaide.

A coordenadora dos clubes de mães, Nezia Pereira, explica que o serviço tem como objetivo desenvolver atividades que possibilitem a ampliação do universo informacional, “que estimulem potencialidades para novos projetos de vida e que, acima de tudo, detecte necessidades por meio das quais possamos motivar as participantes a desenvolverem habilidades e talentos”.

A AFASC tem, atualmente 142 clubes de mães e 12 oficinas de artesanatos (mosaico e pintura em tecido). Os trabalhos são realizados com o auxílio de 30 monitoras.

Como participar das atividades:

As interessadas em participar das atividades, devem ir ao grupo do seu bairro e apresentar cópias dos documentos de Identidade (RG) e CPF, comprovante de residência e Número de Identificação Social (NIS).

Horário de atendimento: Das 8h às 12h e das 13h às 17h

Contato: (48) 3445-8950

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.