SC começa 2022 com segunda maior geração de empregos do Brasil

O estado catarinense registrou o segundo melhor desempenho do país em janeiro, com 23,3 mil novas vagas

Foto: Ricardo Wolffenbüttel/Secom

- PUBLICIDADE -

Após terminar 2021 com a maior geração de empregos da história, Santa Catarina começou o ano com o pé no acelerador no mercado de trabalho. O estado catarinense registrou o segundo melhor desempenho do país em janeiro, com 23,3 mil novas vagas. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) e foram divulgados pelo Ministério do Trabalho e Previdência na manhã desta quinta-feira, 10. Em números absolutos, Santa Catarina ficou apenas atrás de São Paulo, que gerou 48,3 mil vagas, mas possui uma população quase sete vezes maior.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

O governador Carlos Moisés lembra que Santa Catarina também obteve o melhor resultado do Sul, à frente dos vizinhos Paraná e Rio Grande do Sul, ambos também com população superior. Segundo o chefe do Executivo estadual, o resultado é fruto da força do empreendedor catarinense, que conta com o apoio do Governo para criar oportunidades e gerar renda.

“Todos os meses, vejo com grande alegria os resultados divulgados pelo Caged. Eles são uma mostra de que Santa Catarina caminha na direção correta. Terminamos 2021 com a maior geração de empregos da nossa história e uma taxa de desemprego de 4,3%, a menor do país. Em 2022, vamos continuar no caminho do crescimento”, afirma o governador.

Segundo o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Luciano Buligon, os números de janeiro apresentam uma prévia do que deve acontecer ao longo do ano.

“O destaque nacional de Santa Catarina na geração de empregos formais nos dá a proporção do crescimento do estado. Tivemos o segundo melhor resultado absoluto do país e o melhor do Sul. De acordo com a estimativa do PIB em 2021, analisada pela SDE, Santa Catarina teve um crescimento de 8,3%, maior que a média nacional de 5.6%. Temos crescimento semelhante a grandes potências mundiais como EUA e China. Neste contexto, o crescimento da taxa de emprego é algo determinante no desenvolvimento econômico do Estado, pois reflete a geração de novas oportunidades”, diz Buligon.

As 15 cidades que mais geraram empregos em janeiro

  • Florianópolis – 1.706 vagas
  • Itapema – 1.646
  • Joinville – 1.529
  • Fraiburgo – 1.518
  • Blumenau – 1.244
  • Itajaí – 915
  • Chapecó – 908
  • Caçador – 701
  • Monte Carlo – 690
  • Jaraguá do Sul – 624
  • São João Batista – 565
  • Rio do Sul – 484
  • Lages – 438
  • Brusque – 401
  • São Bento do Sul – 390
-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.