Plantação de arroz para safra 2022/23 próxima de ser concluída no Sul

O plantio se estende até o final de novembro. As sementes do arroz ainda estão em estágio de desenvolvimento

Foto: Nilton Alves/TN

- PUBLICIDADE -

Letícia Ortolan

Criciúma

- PUBLICIDADE -

No Sul de Santa Catarina, os agricultores semeiam arroz para a safra de 2022/223. As plantações começaram no fim de agosto e até meados de janeiro, deverão ser feitas as colheitas. Na Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec) e na Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense (Amesc), quase 100% das áreas foram plantadas. O plantio se estende até o final de novembro.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

As sementes do arroz ainda estão em estágio de desenvolvimento, portanto, a temperatura não interfere no resultado final. Segundo Fernando Lock Silveira, engenheiro Agrônomo da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri), a única interferência nessa etapa, caso faça frio, é uma demora maior para a planta crescer.

“O frio demora um pouco mais para o processo, mas não afeta. De modo geral, está tudo indo bem desde o início da safra, o regime de água, por exemplo, tá indo bem, algo que no ano passado atrapalhou pela falta em setembro. Praticamente todos os agricultores já plantaram”, explica  Silveira.

No Sul, os municípios que mais ganham destaque na safra do arroz são Turvo, Meleiro, Jacinto Machado, Ermo, Sombrio, Praia Brava, Forquilhinha, Nova Veneza e Araranguá. A Amrec possui 58.848 hectares (ha) de área plantada, e cerca de 8.712 quilos de produtividade foram registrados no último ano. Na Amesc, são 21.828 há de área e em 2021, o registro foi de 8.784 quilos.

Foto: Nilton Alves/TN

Araranguá foi ainda, safra 2021/22, a principal região produtora de arroz em Santa Catarina, com um total de 503.134 toneladas. Também é a região com maior área de plantio.

Leia a matéria completa na edição desta segunda-feira, 21, do jornal impresso Tribuna de Notícias

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.