Plano 1000 firma compromisso de R$ 94,8 milhões a municípios do litoral

Municípios contemplados são: Chapecó, Criciúma, Blumenau, Bombinhas, Mafra, Painel, Penha, Rio do Sul, Rio Negrinho, Água Doce, Capão Alto, Cerro Negro, Curitibanos e Ituporanga

Foto: Julio Cavalheiro/Secom

- PUBLICIDADE -

O Governo do Estado firmou compromisso de liberar R$ 94.834.774,31 para 33 projetos que integram o Plano 1000. A publicação está no Diário Oficial desta quarta-feira, 16. As ações incluem obras de drenagem, pavimentação, implantação de sistema binário, construções de Centros de Referência de Assistência Social (CRASs), revitalizações, entre outros.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

“São obras estruturantes que estavam há muito tempo guardadas e que, agora, estão se tornando realidade. É o Governo do Estado cumprindo seu compromisso e dando celeridade ao Plano 1000”, destaca o governador Carlos Moisés. Foram contemplados nesta etapa Chapecó, Criciúma, Blumenau, Bombinhas, Mafra, Painel, Penha, Rio do Sul, Rio Negrinho, Água Doce, Capão Alto, Cerro Negro, Curitibanos e Ituporanga.

Esses projetos receberão os recursos em até quatro parcelas. O primeiro repasse da Secretaria de Estado da Fazenda (SEF/SC) será de R$ 23,6 milhões. “Os valores serão liberados na apresentação do resultado da licitação. O Plano 1000 já é uma realidade e estamos trabalhando, com eficiência e gestão, para aportar recursos que atendam às necessidades dos catarinenses”, disse o secretário da SEF/SC, Paulo Eli.

Nesta quinta-feira, 17, foram realizadas reuniões na SEF/SC com os prefeitos de Seara, Indaial, Pinhalzinho, Pomerode e São Bento do Sul para discutir os projetos que serão aportados pelo Plano 1000.

Plano 1000

O maior projeto municipalista da história de Santa Catarina, o Plano 1000, está destinando R$ 7,3 bilhões para transformar projetos em obras estruturantes que promovam o desenvolvimento e mais qualidade de vida.

Pelo programa, os municípios catarinenses receberão recursos equivalentes a R$ 1 mil por habitante. Para calcular quanto cada cidade tem direito a receber, o Governo do Estado leva em conta as estimativas habitacionais mais recentes, fornecidas pelo Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE).

Projetos aprovados nesta etapa e o valor total:

Água Doce
– Construção do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) – R$ 750.000,00

Blumenau
– Pavimentação Asfáltica da Rua Walter Berner – R$ 2.354.156,97
– Projeto de macrodrenagem Rua Paulo Kuehnrich no Bairro Itoupava Norte – R$ 4.823.087,61
– Revitalização da Rua Gustavo Zimmermann – R$ 5.000.000,00
– Contenção de encostas das Ruas Caçapava e Otília Pasold – R$ 2.527.893,43

Bombinhas
– Drenagem, Pavimentação e Urbanização da Rua Ágata – R$ 4.978.737,55
– Drenagem, Pavimentação e Urbanização da Rua Açucena – R$ 1.000.000,00

Capão Alto
– Construção do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) – R$ 750.000,00

Cerro Negro
– Construção do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) – R$ 750.000,00

Chapecó
– Construção de Centro de Inovação em Salvamento Veicular e Saúde – R$ 4.990.000,00

Criciúma
– Construção de Unidade Básica de Saúde Porte I e Porte II – R$ 5.000.000,00
– Revitalização da Avenida Luiz Lazzarin – R$ 5.000.000,00
– Revitalização das Ruas das Ruas Giácomo Biléssimo e Imigrante Meller e Pavimentação da Rua Walmir Orsi – R$ 5.000.000,00

Curitibanos
– Aquisição de veículo tipo auto socorro de urgência – ASU- Ambulância – R$ 260.000,00

Ituporanga
– Implantação do contorno viário sul no município – R$ 5.000.000,00.

Mafra
– Pavimentação de acesso industrial Campo Novo – R$ 3.626.992,89
– Implantação do sistema binário no Bairro Vila Nova – R$ 4.035.179,21
– Implantação do sistema binário no Bairro Jardim América – R$ 5.000.000,00

Painel
– Construção do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) – R$ 750.000,00

Penha
– Obras de infraestrutura para implementação da terceira avenida às margens da Transbeto – R$ 4.996.400,00
– Obras de infraestrutura para implementação parque linear na Praia do Quilombo – R$ 4.999.000,00

Rio do Sul
– Requalificação viária da Alameda Bela Aliança – R$ 3.348.838,08
– Pavimentação de trecho da Rua Conselheiro Willy Hering – R$ 1.210.782,17
– Drenagem, Pavimentação e Sinalização da Rua Fernado Cerutti – R$ 1.384.047,51
– Requalificação viária da Ruas Lauro Muller, Vitor Meirelles, Pedro Américo e Macrodrenagem no Bairro Budag – R$ 5.000.000,00

Rio Negrinho
– Obras de reforço estrutural no Pavilhão dos Imigrantes – R$ 1.727.712,99
– Pavimentação Asfáltica no acesso ao Distrito Volta Grande – R$ 3.297.032,95
– Construção do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) – R$ 837.448,36
– Construção de Creche no Bairro Cruzeiro II – R$ 1.627.591,32
– Reforma e Modernização do Ginásio Municipal de Esportes José Brusky Junior – R$ 1.323.473,27
– Pavimentação em concreto do Pátio de Manobras do Aeródromo Municipal – R$ 686.400,00
– Revitalização do Mercado Público – R$ 300.000,00
– Construção de Complexo Esportivo – R$ 2.500.000,00

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.