Governo de Morro da Fumaça entrega terrenos da Área Industrial I

Empresas contempladas devem gerar 70 novos empregos diretos, além de novas arrecadações ao município


- PUBLICIDADE -

O Governo Municipal, por meio do Programa Desenvolve Morro da Fumaça, realizou a entrega dos primeiros lotes da Área Industrial Vereador Alberto Padoin. A assinatura de contrato para concessão dos terrenos às empresas contempladas foi realizada na sexta-feira (11). Através dos estímulos econômicos e incentivos fiscais estabelecidos pela Administração Municipal, novos empregos diretos serão criados e futuras arrecadações serão geradas ao município.

Para o vice-prefeito Eduardo Sartor Guollo, a ação vai de encontro com a proposta do Programa Desenvolve Morro da Fumaça, que visa o crescimento da cidade. “Somos referência em vários segmentos, principalmente industrial, mas precisamos continuar estando presentes, buscando novas oportunidades e ofertando aos empresários incentivos que nos tornam cada vez mais atrativos. A cidade já é muito bem localizada, o que é um diferencial pela questão logística que é favorecida. As empresas tendo a parceria do Poder Público, todos serão beneficiados, em especial os munícipes”, ressalta.

- PUBLICIDADE -

A Área Industrial I, como é mais conhecida, fica localizada às margens da Rodovia Genésio Mazon, no Distrito de Estação Cocal, e possui um território de 60 mil metros quadrados. Até o momento, seis empresas foram contempladas com a outorga dos lotes. Elas irão atuar nos ramos de comércio, representações, gráfica, metalurgia e indústria. O coordenador de Desenvolvimento Econômico de Morro da Fumaça, Henrique Raldi de Souza, calcula que 70 novos empregos diretos serão gerados com as instituições.

“Além dos terrenos já destinados, ainda temos cinco lotes disponíveis para futuras concessões nesse espaço. Em outro local, que será implantado a Área Industrial II, serão mais 50 lotes. O município está sempre disposto a receber novas empresas, por isso, foi criada a Lei nº 2.189/2021, que concede uma série de incentivos fiscais e econômicos para quem deseja se estabelecer na cidade ou, ainda, ampliar suas atividades”, relata Souza.

Para o chefe do Poder Executivo, Agenor Coral, investir na criação de áreas industriais é pensar no desenvolvimento econômico do município, já que a geração de empregos e rendas atraem mais trabalhadores à cidade e contribui por mais qualidade de vida para a população fumacense.

“Teve quem duvidou que conseguiríamos tirar esse projeto do papel, mas mostramos que com pessoas comprometidas com o desenvolvimento de Morro da Fumaça é possível. Hoje estamos realizando um sonho antigo da nossa cidade, e queremos agradecer a todos os nossos parceiros, que nos ajudaram na implantação, e a equipe de governo que trabalha incansavelmente para fazer as coisas acontecerem. Essa conquista é de cada um que se dedicou ao projeto, mas toda população será beneficiada. O Governo de Morro da Fumaça segue à disposição de todos que queiram o bem da nossa cidade”, pontua Coral.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.