Urussanga: dezembro com alerta à prevenção das ISTs

Cada Unidade de Saúde atenderá em horário estendido, das 17h às 20h, dois dias durante o Dezembro Vermelho

Foto: Divulgação

- PUBLICIDADE -

Na saúde, o mês de dezembro traz consigo uma cor marcante: o vermelho. Junto com ele, o alerta para a luta contra o vírus HIV, a Aids e outras ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis). A Campanha Dezembro Vermelho foi instituída no Brasil pela Lei nº 13.504/2017 e desde então, a Secretaria de Saúde de Urussanga tem aumentado ainda mais o alerta, que já acontece durante todos os meses do ano.

 > Clique e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

“Com toda certeza, a melhor maneira de combater a infecção, é a prevenção. O uso do preservativo, em todas as relações sexuais é o método mais eficaz para evitar a transmissão das ISTs, do HIV/Aids e das hepatites virais B e C. Sendo que as unidades de saúde do SUS disponibilizam gratuitamente preservativos masculinos e femininos”, destaca a enfermeira da Vigilância Epidemiológica, Marília Marcineiro.

Mas, além de incentivar a prevenção, o foco da campanha é também a detecção e o tratamento. Dados do Ministério da Saúde, afirmam que no Brasil, 92% das pessoas em tratamento já atingiram o estágio de estarem indetectáveis, ou seja, estado em que a pessoa não transmite o vírus e consegue manter a qualidade de vida sem manifestar os sintomas da Aids. “Para isso, é preciso detectar a infecção e tratá-la. O tratamento é gratuito, e já temos testes disponíveis no SUS”, lembra a enfermeira.

Outros alertas

O movimento Dezembro Vermelho tem por objetivo ainda, conscientizar sobre outras doenças causadas por vírus, bactérias ou outros microrganismos, transmitidas, principalmente, por meio do contato sexual, sem o uso de preservativo com uma pessoa que esteja infectada.

A transmissão de uma IST pode ocorrer, também, verticalmente, de mãe para filho durante a gestação, parto ou amamentação, quando medidas de prevenção não são realizadas. De maneira menos comum, também podem ser transmitidas por meio não sexual, pelo contato de mucosas ou pele não íntegra com secreções corporais contaminadas.

Herpes genital, sífilis, gonorreia, tricomoníase, infecção pelo HIV, infecção pelo Papilomavírus Humano (HPV), hepatites virais B e C, infecção pelo vírus linfotrópico de células T humanas (HTLV), são alguns tipos de ISTs. “O tratamento das pessoas infectadas melhora consideravelmente a qualidade de vida, além de interromper a cadeia de transmissão. E o mais importante: todo atendimento, diagnóstico e o tratamento são gratuitos nos serviços de saúde do SUS”, ressalta Marília.

Horário Especial na Saúde

Para facilitar o acesso aos testes e diagnóstico, a Secretaria de Saúde de Urussanga organizou um calendário especial para o mês de dezembro. Todas as Unidades de Saúde, atenderão em horário estendido, das 17 às 20h, dois dias no mês. Confira o cronograma:

  • Barro Preto – dias 01/12 e 15/12
  • Bom Jesus – dias 05/12 e 21/12
  • Santana – dias 14/12 e 21/12
  • Centro – dias 06/12 e 20/12
  • Rio América – dias 13/12 e 27/12
  • Bela vista – dias 01/12 e 27/12
  • Estação – dias 06/12 e 20/12
  • Nova Itália – dias 06/12 e 20/12
-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.