Unesc celebra título de Universidade mais empreendedora de SC

Equipe de acadêmicos e professores da Instituição sagrou-se campeã do Reuni Challenge 2022, maior evento de Empreendedorismo Universitário do Brasil

Fotos: Unesc

- PUBLICIDADE -

Foi com a proposta de criação de uma plataforma virtual capaz de diminuir as filas para cirurgias eletivas no Sistema Único de Saúde (SUS), que a equipe de professores e acadêmicos da Unesc, “Filhos de Hermes”, garantiu o título de campeã do Reuni Challenge 2022, considerada a maior competição de Empreendedorismo Universitário do Brasil.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

A grande final teve provas ao longo do fim de semana, nas dependências do Centro de Inovação Luiz Henrique da Silveira, localizado no Orion Parque Tecnológico, em Lages, com nove equipes na disputa, culminando no resultado divulgado já no entardecer de domingo, 25.

A equipe vencedora apresentou todos os argumentos, dados e subsídios capazes de convencer um rigoroso grupo de avaliadores sobre a viabilidade da proposta intitulada “Hipp”. Concorrendo com mais de 40 ideias de instituições de ensino superior públicas, privadas e comunitárias toda Santa Catarina, a equipe da Unesc foi a grande campeã e recebeu o título de Universidade mais empreendedora do estado, além de R$ 10 mil para viabilizar a proposta, com direito a mentoria Orion Parque.

Reconhecimento e orgulho

O incentivo ao envolvimento em projetos que estimulam o perfil empreendedor e inovador em acadêmicos, de todos os cursos, se reflete em resultados como esse, que enchem de orgulho e ainda mais motivação toda a Universidade, de acordo com a reitora Luciane Bisognin Ceretta. “Estamos extremamente orgulhosos pelo resultado obtido e convictos de que esse troféu representa, de fato, o destaque do ecossistema de inovação e empreendedorismo da Universidade. Essa conquista é um case de como o Unesc Connect e a Graduação Multi, com foco na experiência e na resolução de problemas, se conectam para oferecer uma formação ainda mais empreendedora e inovadora aos nossos acadêmicos de vários cursos”, pontuou.

Além de garantir o título de Universidade mais empreendedora de Santa Catarina para a Unesc, a equipe “Filhos de Hermes” aborda um tema que coaduna com o papel de Universidade Comunitária e torna o trabalho ainda mais cheio de significado.

“Visualizamos um grande potencial na proposta apresentada e, principalmente, nessas mentes envolvidas na elaboração, estruturação e apresentação de uma ideia que pode solucionar um grande problema do SUS em todo o país. É assim que se faz inovação, com um time multidisciplinar, com estudantes e mentores de todas as áreas do conhecimento atuando colaborativamente”, enalteceu a pró-reitora de pesquisa, pós-graduação, inovação e extensão, Gisele Coelho Lopes.

Suor e sangue

A acadêmica de Direito da Unesc, Júlia Daminelli, a pitcher da equipe, ou seja, a apresentadora do grupo, usou a experiência da participação no Reuni 2021, quando estava na equipe que garantiu o terceiro lugar, e, mais uma vez, usou da retórica para transmitir aos jurados o valor da proposta do time. “Estamos todos muito emocionados e felizes com mais essa conquista. O pessoal deu o suor, deu o sangue, e trouxemos esse troféu para casa, agora do primeiro lugar”, comemorou.

Quem também explodiu de alegria e emoção foi o professor mentor Gian Marangoni, orientador da turma. “Ganhamos o primeiro lugar, mas isso aqui não é o mais importante. O principal foi o que passamos nesses dois últimos finais de semana, em um movimento que se deve, em muito, aos nossos estudantes. Gostaria de agradecer à reitoria pelo apoio e incentivo para que essas iniciativas aconteçam dentro dos espaços universitários. Desejo que, cada vez mais, o empreendedorismo e a inovação estejam à frente dessas questões que são muito importantes para a sociedade atual”, vibrou.

Apoio técnico

O assessor de Inovação da Agência de Desenvolvimento, Inovação e Transferência de Tecnologia (Aditt), Christian Engelmann, também acompanhou de perto a participação do time da Unesc, “Filhos de Hermes”, nas duas etapas da competição, oferecendo apoio técnico à equipe. “Ao longo de todo esse processo, repassamos as diretrizes, tanto técnicas quanto emocionais, para que nossos acadêmicos obtivessem êxito. Com o apoio dos nossos professores mentores e uma equipe de acadêmicos muito bem engajada, conseguimos conquistar o reconhecimento da nossa Unesc como a Universidade mais Empreendedora de Santa Catarina”, enfatizou.

Conforme Christian, a Aditt sempre estará de portas abertas para auxiliar todos os universitários que queiram iniciar no empreendedorismo, uma das grandes bandeiras da Unesc. “Nós da Agência de Inovação estamos à disposição para colaborar e ajudá-los a se desenvolverem nesse mundo que cada vez é mais exigente da proatividade dos acadêmicos. Estamos empenhados em trazer mais títulos como esse e voltar cada vez mais nossos olhares para esse grande mote, essa grande premissa de inovação e empreendedorismo”, concluiu.

Sobre o Reuni

O Reuni Challenge é a maior competição estadual voltada para o desenvolvimento de soluções que possam ajudar a construir um mundo melhor. O desafio deste ano foi a criação de uma proposta que solucionasse objetivos do desenvolvimento sustentável da Organização das Nações Unidas (ODS/ONU).

Neste ano, a competição envolveu cerca de 375 inscritos, 44 equipes, 30 avaliadores, 77 mentores e 37 universidades, com 500 pessoas envolvidas para a realização do evento. Desde o início, o Reuni já recebeu mais de cinco milhões de impressões nas redes sociais.

O projeto tem como objetivo conectar os Centros de Inovação do estado, criando a maior competição de Empreendedorismo Universitário do Brasil, estimulando a criatividade e a concorrência entre as instituições e propiciando aos estudantes colocar em prática o capital intelectual adquirido na academia.

*Via Unesc

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.