Turvo: homem é preso por maus-tratos a animais

Um dos cães estava extremamente magro e debilitado, sem conseguir se locomover

Divulgação Polícia Civil
- PUBLICIDADE -

Turvo/Araranguá

Um homem foi preso nessa quinta-feira, dia 25, pela Polícia Civil de Turvo, por crime de maus-tratos a animais. O local do crime é uma residência no Bairro Sanga da Toca, em Araranguá, onde os policiais verificaram que nos fundos da casa havia um animal muito debilitado, sem os devidos cuidados, aparentando estar dias em extremo sofrimento.

- PUBLICIDADE -

“Imediatamente o proprietário do animal foi questionado sobre eventual cuidado que ele estaria dispensando para o cachorro, sendo dito que ele teria levado o animal a uma agropecuária”, diz o delegado responsável pelo caso, Lucas Fernandes Da Rosa.

Os policiais entraram em contato com o proprietário da agropecuária, que afirmou não ter realizado nenhum atendimento ao cachorro, desmentindo a versão do tutor do animal. “Na casa também havia outros cachorros que estavam com coleira e com corrente bem curta, situação que motivou uma notificação ao proprietário”, relata Da Rosa.

O animal foi levado a um veterinário. O profissional confirmou que o cachorro estava em situação de maus tratos. O proprietário foi conduzido para a Central de Plantão Policial (CPP) de Araranguá, onde foi autuado em flagrante pelo artigo 32, da Lei 9.605/98 (Lei sancionada recentemente que aumenta a pena de maus tratos). Finalizado o procedimento o preso, ficou à disposição da Justiça.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.