PM baleado em assalto de Criciúma será promovido por ato de bravura

Jeferson Luiz Esmeraldino, será promovido pela instituição nesta quarta-feira, 11

Foto: Divulgação

- PUBLICIDADE -

O soldado da Polícia Militar de Santa Catarina baleado durante o assalto ao Banco do Brasil em Criciúma, em novembro passado, Jeferson Luiz Esmeraldino, será promovido pela instituição nesta quarta-feira (11). Com a ação, Esmeraldino se tornará cabo da PM por ato de bravura.

A cerimônia marca também a promoção de outros 107 praças da PM e mais 43 oficiais.

- PUBLICIDADE -

Atualmente, Esmeraldino é reformado pela PM por incapacidade física. Devido aos ferimentos provocados durante o assalto, o soldado está acamado em tratamento domiciliar.

Segundo a PM, o soldado é acompanhado por técnicos de enfermagem, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, nutricionista e outros profissionais de saúde. No início do ano, amigos de Esmeraldino chegaram a realizar uma vaquinha para ajudar no tratamento e recuperação.

Via Rede Catarinense de Noticias  

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.