Estadual: PF deflagra operação contra sonegação fiscal

A Receita Federal também intimou os envolvidos para pagamentos de tributos devidos, que chegam a R$ 15 milhões, incluindo multas

Fonte: Rede Catarinense de Notícias

- PUBLICIDADE -

A Polícia Federal, em parceria com a Procuradoria da República de Itajaí e a Receita Federal, deflagrou nesta quarta-feira (4) a Operação Dieta, a fim de cumprir nove mandados de busca e apreensão contra pessoas físicas e jurídicas em Balneário Camboriú e Itajaí.

Segundo a PF, as investigações tiveram início a partir de elementos de que uma organização empresarial, com sede na região, foi possivelmente estruturada de modo a permitir a prática de sonegação fiscal, lavagem de capitais e evasão de divisas.

- PUBLICIDADE -

As investigações mostram que a organização mantém um sistema de caixa 2 formado por diversas empresas que compõe o mesmo grupo econômico, operando transferências de valores indevidos, aquisição de bens em nome de terceiros e possível remessa ilegal de dinheiro ao exterior.

Além disso, as investigações possibilitaram o sequestro de veículos e imóveis de luxo ligados às pessoas investigadas, com o objetivo de impedir eventual esvaziamento do patrimônio acumulado de forma delituosa.

A Receita Federal também intimou os envolvidos para pagamentos de tributos devidos, que chegam a R$ 15 milhões, incluindo multas.

Os investigados responderão pelos crimes de organização criminosa, sonegação fiscal, lavagem de capitais e evasão de divisas, cujas penas somadas podem chegar a 29 anos de prisão.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.