Camboriú: suspeito de triplo homicídio de venezuelanos é preso

As mortes foram por volta das 05h10 de 19 de dezembro

Foto: Divulgação/ Polícia Civil

- PUBLICIDADE -

Foi identificado e preso o principal suspeito pela morte de três venezuelanos no bairro Monte Alegre, em Camboriú, litoral Norte de Santa Catarina. O trabalho foi em uma ação conjunta das Polícias Civil e Militar.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

As mortes foram por volta das 05h10 de 19 de dezembro. Após o crime, as forças policiais se mobilizaram no sentido de buscar provas e capturar o suspeito. Nas apurações, foram obtidas informações de que o principal suspeito, que também é venezuelano, acreditava que uma das vítimas, que foi policial na Venezuela, o havia prendido no país vizinho.

Por esse motivo, há duas semanas, o investigado atentou contra a vida do ex-policial, quando o tentou esfaquear em seu local de trabalho. Desde então, o suspeito passou a perseguir a vítima, anunciando que o mataria.

Na madrugada de 19 de dezembro, o suspeito encontrou a vítima, em frente a um bar e realizou vários disparos em sua direção, os quais também atingiram outros dois colegas do ex-policial.

Na segunda-feira (20), uma equipe da Polícia Militar localizou o homem no bairro dos Municípios, em Balneário Camboriú e, durante a terça-feira, policiais civis localizaram testemunhas presenciais que apontaram o investigado como o autor dos disparos.

Em razão disso, o investigado teve a prisão preventiva decretada e está no sistema prisional. As investigações prosseguem com o objetivo de localizar outras possíveis testemunhas e verificar se ele contou com o auxílio de outras pessoas.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.