Prefeitos querem audiência com Ministro para tratar da ACP do Carvão

Os prefeitos encaminharam que vão entrar em contato com os três deputados federais do Sul de Santa Catarina para intermediar uma audiência com o Ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, para tentar resolver a situação

Foto: Divulgação/ Antonio Rozeng
- PUBLICIDADE -

Os prefeitos da Associação dos Munícipios da Região Carbonífera estiveram reunidos nesta quinta-feira (08/07) para debater a Ação Civil Pública (ACP) do Carvão, que trata das áreas degradas pela mineração e do licenciamento para uso. Os prefeitos encaminharam que vão entrar em contato com os três deputados federais do Sul de Santa Catarina para intermediar uma audiência com o Ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, para tentar resolver a situação.

O promotor do Ministério Público Federal (MPF), Dermeval Ribeiro Vianna Filho, participou da reunião de forma virtual, assim como alguns prefeitos, presidentes de Fundações Municipais de Meio Ambiente e procuradores municipais. Já o Coordenador Regional de Meio Ambiente do Instituto do Meio Ambiente (IMA), Marcos Favro, participou de forma presencial, assim como prefeitos e membros dos colegiados de Meio Ambiente e Procuradores.

- PUBLICIDADE -

A reunião foi presidida pelo segundo vice-presidente da AMREC e prefeito de Cocal do Sul, Fernando de Faveri. “Tratamos das demandas que os municípios possuem neste assunto, e o travamento da liberação dessas áreas para construção e edificações atrasa o desenvolvimento da região. Se busca uma solução conjunta que envolva o Ministério Público, o IMA, os municípios, os empreendedores e as empresas mineradores do passado”, afirmou o prefeito.

Os prefeitos encaminharam um pedido de audiência junto ao Ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque. A ideia é que os deputados federais da região (Ricardo Guidi, Geovania de Sá e Daniel Freitas) possam fazer essa intermediação. “Queremos tratar de forma coletiva desse assunto que envolve o desenvolvimento da região carbonífera”, disse o prefeito Fernando.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.