Na Alesc, servidores protestam contra reforma da Previdência

A expectativa é de que sejam aprovadas sugestões de emendas ao projeto assumidas pela bancada

Foto: Murici Balbinot/RCN
- PUBLICIDADE -

Na manhã desta terça-feira (6), servidores e representantes de associações e sindicatos de servidores do Estado de Santa Catarina protestam em frente à Assembleia Legislativa de SC (Alesc). Em caixas de som, o grupo discute os pontos da proposta de reforma da Previdência apresentada pelo Executivo estadual.

À tarde, líderes sindicais vão se reunir com a bancada do PT para discutir detalhes da proposta. A expectativa é de que sejam aprovadas sugestões de emendas ao projeto assumidas pela bancada.

- PUBLICIDADE -

Durante a manhã, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) analisou a admissibilidade da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que compõe a reforma. O colegiado aprovou a tramitação da matéria por unanimidade. O plenário da Alesc deve votar a admissibilidade do texto na tarde desta terça.

Para esta quarta-feira (7), está agendada uma reunião das três comissões que tratam da reforma (Constituição e Justiça; Finanças e Tributação; e Administração, Trabalho e Serviço Público).

O objetivo é acertar os detalhes da tramitação do texto. A tendência é de que os presidentes das comissões  – Milton Hobus (PSD), Marcos Vieira (PSDB), e Volnei Weber (MDB), respectivamente – assumam a relatoria da proposta.

A reunião servirá para reavaliar o calendário de tramitação. Pela sugestão do presidente da Casa, Mauro de Nadal (MDB), a votação em plenário ocorreria em 4 de agosto.

Via Rede Catarinense de Noticias 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.