Jaguaruna: prefeitura exonera mais de 50 servidores efetivos

Servidores realizaram concurso em 2016, suspenso pela justiça após denúncias de irregularidades durante a realização das provas

Foto: Divulgação
- PUBLICIDADE -

52 servidores públicos de Jaguaruna foram exonerados pelo prefeito, Laerte Silva, que cumpriu a determinação do Tribunal de Justiça de Santa Catarina. De imediato 47 serão afastados, o restante está de licença. A prefeitura tinha até o dia 31 de março para cumprir a determinação.

Os servidores foram aprovados em um concurso realizado em janeiro de 2016 durante a gestão do prefeito Luiz Napoli. As provas foram aplicadas pela empresa Infinity Assessoria Pedagógica LTDA, de Timbó e logo após o concurso surgiram denúncias de irregularidades durante a aplicação, o caso foi parar na Promotoria de Justiça de Jaguaruna.

- PUBLICIDADE -

Em março de 2016, a Promotoria de Justiça de Jaguaruna concedeu uma liminar suspendendo o concurso. O processo seguiu em trâmite até que no dia em 18 de fevereiro deste ano o Juiz Rodrigo Barreto, da 2ª Vara da Comarca de Jaguaruna assinou a exoneração dos servidores. Se a prefeitura descumprir a ordem o município está sujeito a uma multa diária de R$ 5 mil e o atual prefeito responderá por improbidade administrativa.

Via Notisul 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.