Ada propõe força-tarefa pelo Movimento Unidos pela Vacina em SC

Deputada quer apoio às Secretarias Municipais de Saúde para fazer avançar proposta suprapartidária de imunização em massa ainda em 2021

Foto: Divulgação
- PUBLICIDADE -

Uma força-tarefa para fazer avançar em Santa Catarina o Movimento Unidos pela Vacina foi proposta pela deputada estadual Ada Faraco de Luca (MDB) nesta terça-feira (2). A iniciativa do Grupo Mulheres do Brasil, presidido pela empresária Luiza Helena Trajano, pretende realizar a vacinação em massa dos brasileiros até o fim de 2021.

Conforme Ada, Santa Catarina é um dos Estados que participam do projeto piloto do movimento. Nessa primeira etapa, as Secretarias Municipais de Saúde precisam responder a um questionário. Ocorre que, diante da sobrecarga de trabalho, muitas secretarias ainda não encaminharam as respostas. Diante disso, lideranças catarinenses do Grupo Mulheres do Brasil procuraram a deputada em busca de apoio.

- PUBLICIDADE -

“Nós sabemos que todos estão sobrecarregados. Por isso, estou apresentando um requerimento pedindo que as prefeituras e as Câmaras de Vereadores coloquem à disposição estruturas física e humana para ajudar as Secretarias de Saúde nos procedimentos necessários para que a campanha Unidos pela Vacina possa avançar”, explicou Ada.

Em discurso na tribuna virtual da Assembleia, Ada enalteceu a capacidade de mobilização das mulheres, em especial as catarinenses. “A meta é audaciosa, mas, nada é impossível quando se tem força e coragem”, disse, parabenizando as mulheres empreendedoras de Santa Catarina que estão na dianteira do projeto.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.