Turvo cumpre com sua parte na construção da ponte

A queda da ponte entre as comunidades de Boa Vista, em Meleiro, e Nova Esperança, em Turvo ocorreu por volta de 2h40 do dia 15 de julho de 2020

Foto: Divulgação

- PUBLICIDADE -

Toda a responsabilidade do acordo para o município de Turvo referente a queda da ponte entre as comunidades de Boa Vista, em Meleiro, e Nova Esperança, em Turvo, tem sido cumprido. A queda da ponte ocorreu por volta de 2h40 do dia 15 de julho de 2020. A administração de Turvo 2021-2024 desde que inteirada do assunto, já efetuou a retirada da estrutura danificada, buscou a resolução da tubulação da Casan que passava no local e agora aguarda que o município de Meleiro dê sequência no projeto para que haja andamento na construção da nova ponte.

A situação no local envolve dois municípios e uma troca de administrações. A administração municipal de Turvo 2021-2024, através do prefeito Sandro Cirimbelli, pontua que já recebeu o prefeito de Meleiro e sua equipe, assim como a comunidade, porque deseja buscar a solução para a situação. “Desde o primeiro momento estamos em busca de resolução. Todas as partes que acordamos nos encontros foram cumpridas. Organizamos a estratégia de trabalho e coube a Turvo a retirada da estrutura danificada e resolver com a Casan a tubulação que passava junto à ponte. Questões resolvidas. Coube a Meleiro fazer o projeto da nova ponte e protocolar no estado. Agora aguardamos o aval para que se dê andamento na construção da nova estrutura. Oficialmente tenho minha equipe de engenharia constantemente em contato com a equipe de engenharia de Meleiro na espera do andamento”, observa.

- PUBLICIDADE -

O prefeito Sandro observa que para formalizar a situação encaminhou em 25 de março solicitação a Câmara de Vereadores pedindo autorização para executar o convênio no qual agradece aos vereadores por aprovarem em unanimidade o pedido. Portanto Turvo continua aguardando a resposta de Meleiro quanto o encaminhamento do projeto.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.