Tubarão: Prefeitura nega a aplicação de vacinas vencidas contra a Covid

De acordo com a Secretaria de Saúde as vacinas chegaram em janeiro e foram aplicadas em fevereiro, com validade de aplicação para 14 de abril de 2021

Foto: Agência Brasil/Rovena Rosa
- PUBLICIDADE -
A prefeitura de Tubarão, através da Fundação Municipal de Saúde, com referência à notícia veiculada pelo jornal Folha de São Paulo, nesta sexta-feira (2), dando conta de informações sobre vacinas vencidas aplicadas em Tubarão, informa:
– Tubarão recebeu no dia 25 de janeiro de 2021, a quantidade de 1030 (mil e trinta) vacinas da Fio Cruz/AstraZeneca, do lote 4120Z005, com validade de aplicação para 14 de abril de 2021;
– Todas as vacinas constantes do referido lote foram aplicadas na Policlínica do município e em operações Drive Thru, entre os dias 01 e 24 de fevereiro, portanto dentro da validade do lote;
– No cartão de vacinação de cada tubaronense vacinado constam o fabricante da vacina, o lote a que se refere, a validade, o dia da aplicação e o nome do profissional que aplicou a vacina.
Constatamos que o sistema de lançamento das vacinas aplicadas do Ministério da Saúde, transforma a data da aplicação informada, no estilo DIA/MÊS/ANO, para o estilo americano, MÊS/DIA/ANO. Assim, por exemplo, uma vacina aplicada no dia 05/02/2021, aparece no sistema como 02/05/2021. Talvez tenha sido essa a informação na qual a reportagem do jornal se baseou.
Abaixo algumas imagens da tela do sistema de cadastramento do Ministério da Saúde e de uma carteira de vacinação onde pode ser constatado a inversão de datas.
Foto: Divulgação
-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.