Treviso adota novas restrições de prevenção e enfrentamento à Covid-19

Entre as medidas, o decreto prevê o uso obrigatório de máscara, inclusive ao ar livre, proibição de aglomeração, novas regras para estabelecimentos comerciais e as penalidades em casos de descumprimento

Foto: Divulgação
- PUBLICIDADE -

Diante do aumento de casos de Covid-19 em Treviso e da possibilidade de uma terceira onda da doença no país, a Administração Municipal publicou na manhã desta sexta-feira, dia 18, o decreto nº 328/2021 com novas medidas de enfrentamento à pandemia. As normas foram definidas pela Comissão Integrada de Avaliação e Monitoramento da Covid-19 e têm validade até 2 de julho.

Entre as medidas, o decreto prevê o uso obrigatório de máscara, inclusive ao ar livre, proibição de aglomeração, novas regras para estabelecimentos comerciais e as penalidades em casos de descumprimento.

- PUBLICIDADE -

Orientações aos comerciantes

Ao longo do dia, as equipes da Vigilância Sanitária e Epidemiológica orientaram os comerciantes sobre as novas regras previstas no decreto Municipal e Estadual.

Fiscalização e denúncias

As determinações estabelecidas nos decretos podem ser fiscalizadas pelo Município, através da Vigilância Sanitária, agentes de Defesa Civil e agentes de Fiscalização Municipal e Estadual.

As denúncias podem ser realizadas através do disque 190 da Polícia Militar, para a Defesa Civil no telefone 99645-8615 ou à Vigilância Sanitária nos números 3469-0150 e 3469-0500.

Secretaria reforça a necessidade da vacinação

A vacina é uma ferramenta importante para conter a pandemia, no entanto, a Secretaria de Saúde alerta para a baixa procura pelo imunizante. “Só a imunização e o cuidados podem amenizar a situação que estamos vivendo. Pedimos que cada um faça a sua parte”, comentou a secretária Luciane Possoli.

A secretária ainda frisa que todas as vacinas são eficazes contra o Coronavírus. “Se a pessoa tem a oportunidade, deve se vacinar. Todas as vacinas auxiliam na diminuição da circulação do vírus e do agravamento dos sintomas da Covid-19”, explicou.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.