Sombrio: após longa espera, UTI do Hospital Dom Joaquim é inaugurada

Espaço contemplará 10 leitos de Covid para atender a população do Extremo Sul

Foto: Divulgação

- PUBLICIDADE -

Depois de anos de batalha e uma união de forças dos governos municipal e estadual, enfim o Hospital Dom Joaquim, em Sombrio, está com a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) habilitada. Os 10 leitos destinados ao tratamento de pacientes com coronavírus foram inaugurados na sexta-feira, após uma emocionante cerimônia.

“Para mim, especialmente, foi uma grande homenagem, um dia muito especial. É resultado de muito trabalho e dedicação”, destaca a prefeita Gislaine Cunha. O espaço recebeu o nome do seu marido, Juarez Teixeira de Borba, falecido em 2018. A decisão, recebida com surpresa pela chefe do executivo durante o evento, arrancou lágrimas das filhas Júlia e Helen, e do genro André. Diversas autoridades da região estiveram presentes.

- PUBLICIDADE -

O local recebeu um investimento de R$ 1,5 milhão do Governo do Estado para a compra de equipamentos, e a Prefeitura arcou com R$ 2 milhões para a construção da parte estrutural. “Agradecemos ao deputado Zé Milton, que marcou a audiência e logo as conversas foram tomando uma proporção, se encaminhado, e conseguimos realizar este orçamento”, comenta Gislaine.

A expectativa, agora, é transformar os leitos em permanentes, visando o período pós-pandemia. “Já começamos as tratativas. Com leitos permanentes, poderemos fazer no hospital cirurgias de alta complexidade. É um requisito. As conversas já estão adiantas com o secretário de Estado da Saúde, que tem esse interesse em facilitar o acesso das pessoas e vocacionar o hospital para diminuir essas filas. Sabemos que é um sofrimento muito grande. Hoje, as pessoas precisam se deslocar daqui até Florianópolis”, pontua.

A prefeita afirmou ainda que, até o final deste ano, o espaço deve permanecer como UTI Covid, à disposição de toda a região do Extremo Sul (Amesc). A cidade não conta atualmente com pacientes infectados pelo vírus em espera por um leito. “Se houver essa necessidade, o hospital já está pronto. Torcemos para que ninguém precise. É um reflexo da vacinação e de todo o cuidado das pessoas em fazerem uso de máscara e álcool em gel”, comenta ela. Anteriormente, apenas o Hospital Regional de Araranguá (HRA), contava com leitos de UTI Covid em toda a Amesc.

Em Sombrio, na semana passada, as pessoas com mais de 30 anos já foram vacinadas. A partir desta semana, há a expectativa de a campanha de imunização atingir o público de 25 a 29 anos. E, na semana que vem, caso haja o quantitativo desejado de doses, deve-se enfim chegar aos jovens com mais de 18 anos.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.