SC: estado e representantes de eventos avançam em regras para a retomada

Um modelo de protocolo deve ser apresentado na próxima semana, com base nas sugestões apresentadas e discutidas na reunião

Foto: Divulgação / Santur
- PUBLICIDADE -

As regras para avançar na liberação de atividades relacionadas ao turismo em Santa Catarina foram o assunto de mais uma reunião entre o Governo do Estado e representantes dos segmentos de eventos, bares e restaurantes, nesta quarta-feira, 19. Articulado pela Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina (Santur), o encontro teve a participação da Secretaria de Estado da Saúde e Vigilância Sanitária. Um modelo de protocolo deve ser apresentado na próxima semana, com base nas sugestões apresentadas e discutidas na reunião.

“Entendemos que a retomada destas atividades exige muito diálogo com o setor e a construção em conjunto de um rigoroso protocolo sanitário. À medida que a vacinação progride em Santa Catarina, também progride o retorno de atividades. Estamos trabalhando em todas as frentes”, ressaltou o governador Carlos Moisés.

- PUBLICIDADE -

“Desde o início da pandemia a Santur vem dialogando com os diferentes segmentos do turismo para encontrar soluções e, de forma conjunta com a Saúde e as entidades, elaborar soluções para a problemática que o setor vive. O tempo é curto, mas estamos trabalhando com muita responsabilidade. Acreditamos que, a partir do diálogo com esse grupo, vamos conseguir avançar mais um pouco na retomada das atividades relacionadas ao turismo no estado”, disse o presidente da Santur, Leandro “Mané” Ferrari.

O presidente da Santur acrescentou que está sendo desenvolvido o selo Evento Seguro, que deverá contar com um aplicativo para o rastreamento de contatos dos participantes de um encontro. Também está em análise a proposta de realização de eventos-testes, em diferentes regiões, com aplicação de alguns requisitos, como a exigência de teste negativo para Covid-19 ou acesso apenas de pessoas já vacinadas, restrição ao público local, controle de aglomerações, análise dos riscos dos eventos, entre outros.

Na próxima semana uma nova reunião será realizada para avaliação da proposta de protocolo. Um Grupo de Trabalho que será formado pela Santur, Saúde e representantes das entidades, dará sequência aos temas debatidos e para fazer a reavaliação periódica dos protocolos vigentes.

Participaram da reunião o superintendente de Vigilância em Saúde de Santa Catarina, Eduardo Macário, e a diretora da Vigilância Sanitária, Lucélia Kryckyj. Representando o trade, estavam Jane Balbinot, da Associação Brasileira de Empresas de Eventos (Abeoc-SC), Eveline Orth, da Associação Brasileira de Promotores de Eventos (Abrape-SC), Marco Aurélio Floriani, da Federação dos Convention & Visitors Bureau de Santa Catarina, Humberto Freccia Neto, do Floripa Convention/Fortur, Rubens Régis, da União Brasileira de Feiras e Eventos de Negócios (Ubrafe) e Fábio Queiroz, da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel-SC).

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.