Santa Catarina tem últimos dias de calor antes do frio extremo

Neste domingo (25), as máximas podem passar da casa dos 30°C, com o tempo firme e aberto

Foto: Mycchel Hudsonn Legnaghi/Arquivo/ND
- PUBLICIDADE -

Se o final de semana tem sido marcado pelo “veranico de inverno” em diversas regiões de Santa Catarina, durante a semana as temperaturas devem despencar em todo o Estado. Neste domingo (25), as máximas podem passar da casa dos 30°C, com o tempo firme e aberto.

Com o avanço de uma frente fria na segunda-feira (26), a nebulosidade começa a aparecer à tarde, principalmente nas regiões próximas à divisa com o Rio Grande Sul. Mas é na terça-feira (27), que o tempo vira de vez no Estado.

- PUBLICIDADE -

Na retaguarda da frente fria chega uma intensa massa de ar frio, com origem polar, que deve derrubar as temperaturas para baixo dos 10°C. Na quarta-feira (28), a possível “maior onda de frio” desde 1955 ganha força, e as temperaturas devem ficar abaixo dos 5°C na faixa litorânea e negativas em todas as outras regiões catarinenses.

“Teremos uma transição de frente fria na terça-feira, trazendo chuva, trovoadas e temporais localizados. A partir de quarta-feira essa queda de temperatura será violenta, com frio amplo em todo o Estado”, informa o meteorologista Piter Scheuer.

Dias mais frios

Conforme o meteorologista Ronaldo Coutinho, os dias mais frios serão quinta, sexta-feira e sábado, com máximas de 0ºC e mínimas negativas em todo o Estado. Ele faz o alerta para que os produtores agrícolas tentem proteger as culturas.

“Extraordinária onda de frio. É muito mais forte do que qualquer outra que teve. Mantendo as projeções, o frio trará prejuízos à agricultura e às pessoas, podendo até ter congelamento de água”, comenta Coutinho.

“É a massa de ar polar mais intensa do ano, com temperaturas baixas e condição propícia para o registro de neve durante a noite de quarta-feira e na manhã de quinta-feira, de maneira isolada”, completa Scheuer.

 

O meteorologista também alerta para que a população se prepare para mudanças bruscas de temperatura.

“Nesta época do ano é comum a gente ter transição de massas de ar porque o principal sistema meteorológico é frente fria, que é um encontro de ar frio com massa de ar quente. Isso justifica essa oscilação de temperaturas altas e baixas”, aponta Piter Scheuer.

Previsão para os próximos dias

Domingo (25/07)
Neste domingo, segundo a Defesa Civil de Santa Catarina, a condição do tempo segue estável, com temperaturas elevadas durante o dia.

Segunda-feira (26/07)
A nebulosidade começa a aparecer à tarde, especialmente nas regiões de divisa com o Rio Grande do Sul, por conta do avanço de uma frente fria. Apesar disso, as temperaturas seguem elevadas durante a tarde, principalmente no oeste e sul catarinense, onde as máximas ficam na casa dos 30°C.

Terça-feira (27/07)
É a partir de terça-feira que o tempo vira de vez no Estado. O avanço de uma frente fria provoca chuva a partir da madrugada, chegando a todas as regiões do Estado entre a tarde e a noite de terça-feira. Junto à frente fria, chega uma intensa massa de ar frio, com origem polar, que deve derrubar as temperaturas para baixo dos 10°C.

Quarta-feira (28/07)
Na quarta-feira, está previsto o início de uma nova onda de frio, que provoca a queda acentuada das temperaturas em todo o Estado. Entre e quinta-feira e sábado, as mínimas devem ficar abaixo dos 5°C na faixa litorânea e negativas em todas as outras regiões catarinenses.

Via ND+

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.