Rincão, Arroio do Silva e Laguna têm pontos impróprios para banho

Dados são do relatório do Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA)

Foto: Lucas Colombo/Arquivo/DN

- PUBLICIDADE -

O Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA) divulgou nesta sexta-feira, 03, o novo relatório de balneabilidade referente à semana de 29 de novembro a 3 de dezembro. De acordo o documento, dos 231 pontos analisados no Litoral do Estado 182 estão próprios para banho, o que corresponde a 78,8%. Pontos em praias das cidades de Balneário Rincão, Balneário Arroio do Silva e Laguna estão impróprios para banho.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

O Arroio da Praia do Rincão está impróprio para banhos. Também estão a Praia do Arroio do Silva, na Avenida Mondardo, em Foz do Arroio e a Lagoa de Cabeçudas, em frente ao km 313 da BR-101.

O relatório completo está disponível aqui: clique aqui

Florianópolis

Em Florianópolis, dos 87 pontos onde há coleta, 72 estão em condições de receber banhistas, o que representa 82,8%. Em um comparativo com o último relatório divulgado, um ponto passou da condição de impróprio para próprio.

As amostragens e ensaios foram efetuados nos municípios de Balneário Camboriú, Balneário Barra do Sul, Barra Velha, Biguaçu, Bombinhas, Florianópolis, Garopaba, Gov. Celso Ramos, Imbituba, Itajaí, Itapema, Itapoá, Jaguaruna, Joinville, Laguna, Navegantes, Palhoça, Penha, Balneário Piçarras, Porto Belo e São José.

Divulgação dos resultados

Durante a baixa temporada, de abril a outubro, a pesquisa é feita mensalmente. Já de novembro a março, considerado alta temporada, os resultados das amostras são divulgados toda semana sempre na sexta-feira, no período vespertino.

Os resultados e históricos das coletas podem ser acessado na íntegra pelo site: balneabilidade.ima.sc.gov.br e pelo aplicativo Praia Segura.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.