Polícia Civil de SC distribui 50 mil pulseirinhas para as crianças

O objetivo é garantir a segurança da população catarinense e orientar os pais sobre os cuidados que devem ter com as crianças

Foto: Ascom/PCSC

- PUBLICIDADE -

A Polícia Civil de Santa Catarina está promovendo ações da operação Verão Mais Seguro nas cidades que mais recebem turistas durante a temporada 2021/2022. Houve incremento de efetivo para os trabalhos de investigação e de atendimentos nas delegacias. Outra iniciativa é a entrega de pulseirinhas de identificação de crianças aos pais e ou responsáveis, além de adesivos simulando um distintivo de policial mirim para as crianças.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

O objetivo é garantir a segurança da população catarinense e orientar os pais sobre os cuidados que devem ter com as crianças nos ambientes abertos e nas aglomerações. A diretora de Polícia da Grande Florianópolis, delegada de polícia Michele Alves Correa Rebelo, explica que a ação está ocorrendo no litoral Norte e Sul do Estado e nas praias de Grande Florianópolis.

“Estamos entregando as pulseiras com o objetivo de auxiliar os pais e orientá-los sobre como proceder no caso de desaparecimento, em que a criança deverá ser encaminhada a uma unidade policial ou para algum policial que esteja presente no local”, explica a delegada.

Na operação do ano passado, foram entregues 44 mil pulseirinhas. A expectativa é que o número aumente. Até o momento, a Polícia Civil já providenciou 50 mil e, provavelmente, mais unidades precisarão ser produzidas até o fim do verão.

Os policiais civis que estão atuando nas praias fazem parte da operação Verão Mais Seguro, que começou no dia 22 de dezembro e vai até março e tem como objetivo incrementar o efetivo policial nos locais que mais recebem turistas durante a temporada. Esses policiais também estão atuando nos plantões policiais nas delegacias e contribuirão para todo o trabalho que é realizado pela Instituição durante o período.

“Nesse período de verão muitas festas clandestinas ocorrem, assim como ocorrências de perturbação de sossego. Dessa forma, a Polícia Civil estará efetiva, 24 horas por dia, atuando para que os turistas tenham um verão seguro”, finaliza Michele.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.