Oportunidades para nutricionistas na área esportiva crescem no mercado

Busca de atletas amadores e pessoas que praticam exercícios físicos por profissionais da área impulsionou demanda

Foto: Divulgação

- PUBLICIDADE -

Uma das áreas profissionais que está sempre atenta aos constantes movimentos do mercado de trabalho, às tendências e às necessidades da sociedade é a de Nutrição. Com a procura cada vez maior pela prática de exercícios físicos, a área de nutrição esportiva vem despontando no mercado. Assim, aos atletas de elite que já possuem acompanhamento nutricional, junta-se um número cada vez maior de atletas amadores e pessoas que frequentam academias a terem a orientação de um nutricionista.

A nutrição esportiva tem a função proteger a saúde de quem pratica a atividade física. A coordenadora do curso de Nutrição da Unesc, Fabiane Fabris, explica que durante a fase de treinos, a pessoa precisa seguir um plano alimentar que forneça energia necessária, para evitar fadiga muscular. “O atleta, por exemplo, tem necessidades nutricionais maiores que as de pessoas que não trabalham nesta área. O gasto energético dele é muito maior e a dieta precisa ser compatível com esta profissão e oferecer os nutrientes que ele necessita. Já os atletas amadores, mesmo não submetendo o corpo a treinamentos como os atletas profissionais, também precisam de um acompanhamento nutricional, já que as atividades realizadas também exigem do seu corpo”, explica Fabiane.

- PUBLICIDADE -

Segundo ela, nos últimos anos, estudos demonstraram que a busca por nutricionistas para orientação alimentar aumentou inclusive para a indicação de suplementação, algo que antes não se via com frequência entre as pessoas que treinam, mas não são atletas. “A atividade física sem o complemento da alimentação não tem o mesmo resultado”, comenta Fabiane.

A coordenadora conta que o nutricionista esportivo pode atuar em academias, clubes e similares e que há egressos do curso de Nutrição da Unesc atuando em clubes de futebol, inclusive fora de Santa Catarina.

Novidades para o curso

A coordenadora do curso de Nutrição da Unesc explica que ele oferece uma formação generalista, mas que ao longo do processo de formação, o estudante tem contato com todas as áreas da profissão e realiza três estágios obrigatórios de Clínica, de Saúde Coletiva e de Alimentação Coletiva, além de poder participar de projetos de extensão e de pesquisa da Unesc.

Mas para os próximos semestres, o curso deve trazer novidades aos acadêmicos, como a inclusão de estágios optativos em Nutrição Esportiva, por meio de parcerias com clubes e academias.

Várias áreas de atuação

Mais que auxiliar as pessoas que buscam uma vida mais saudável, o nutricionista pode atuar em diversas frentes, incluindo nas áreas de educação, de gestão e de pesquisa, compondo inclusive, equipes multiprofissionais. A partir das áreas mais tradicionais da Nutrição, ela se abre uma gama de possibilidades para o graduado na área, independentemente de trabalhar como profissional liberal ou estar vinculado a uma corporação.

O nutricionista formado na Unesc pode atuar nas áreas de alimentação coletiva, saúde coletiva, docência, nutrição clínica, nutrição e esporte, indústria de alimentos, marketing e a mais recente, nutrição e gastronomia.

Matrículas abertas

Os interessados em atuar na área podem dar os primeiros passos da formação acadêmica já nesse segundo semestre de 2021. As matrículas para ingresso no curso de Nutrição estão abertas até o dia 30 de agosto. Mais informações sobre as formas de ingresso e possibilidades de bolsas de estudo podem ser obtidas por meio dos telefones (48) 99915-0433 (WhatsApp) ou 3431-4500.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.