Nova Veneza lança edital para a eleição do Conselho Municipal de Turismo

Votação ocorre no dia 26 de agosto de forma online

Foto: Divulgação/ Leonardo Gava

- PUBLICIDADE -

A Prefeitura de Nova Veneza, através do Conselho Municipal de Turismo, lançou um edital de chamamento público para a eleição da representação da sociedade civil no Conselho Municipal de Turismo. A votação será realizada de forma online, no dia 26 de agosto, e poderão participar associações, empresas e profissionais do setor turístico.

A secretária de Cultura, Esporte e Turismo, Carolina Ghislandi, explica que o Conselho Municipal de Turismo é um órgão de assessoramento do poder executivo na gestão da política de turismo. “Ele conta com representantes do poder público, que são indicados pelas secretarias e pelo prefeito e também representantes da sociedade civil organizada, que podem ser eleitos ou indicados pelas associações representadas em lei”, pontua.

- PUBLICIDADE -

Após o Conselho Municipal de Turismo estar formado, será feita uma nova eleição, no dia 8 de setembro, para eleger a nova diretoria. “A última eleição foi em 2019, então após dois anos a lei exige que a gente faça uma nova eleição para membros do Conselho e eleição da diretoria, que é formada por presidente, vice-presidente, primeiro secretário e segundo secretário”, explica a secretária.

Para se inscrever para a votação, basta preencher um formulário e após a confirmação da inscrição será enviado um link de acesso para participar da votação. As inscrições poderão ser realizadas até o dia 26, às 12h.

Para acessar o formulário, basta clicar nesse link: https://bityli.com/MgKn6 e para acessar o edital neste link: https://docs.google.com/document/d/1NBuW9nrCbu2CrQoH1s7bSd-cLaAUyUgsaaJlsCPvcHc/edit?usp=sharing

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.