Nova Veneza: Documentos do Museu do Imigrante são restaurados

Acervo documental está em Florianópolis, em um local apropriado para o restauro

Foto: Divulgação
- PUBLICIDADE -

Documentos históricos do Museu do Imigrante Cônego Miguel Giacca, Nova Veneza, começaram a ser recuperados e restaurados. Os trabalhos iniciaram em fevereiro deste ano, na Capital do Estado, Florianópolis. Os trabalhos estão sendo realizados pela restauradora Rita de Cássia Castro da Cunha e em um local preparado para este tipo de serviço. Os documentos que estão no processo de restauro, contam a história da imigração e livros caixa do comércio Bortoluzzi, entre outros.

O museólogo responsável pelo projeto, Leonardo Hermes Lemos, destaca que o objetivo do restauro é conservar o patrimônio documental. “Desta forma, vamos criar condições para que o valor histórico seja de fato reconhecido e assim possa ser pesquisado, por quem queira fazer uso das informações neles contidas”, comenta.

- PUBLICIDADE -

O trabalho é muito minucioso e deve levar alguns meses para ser totalmente finalizado. “A expectativa é que ainda este ano os documentos estejam novamente em Nova Veneza, devidamente restaurados e digitalizados”, conta Lemos.

O Projeto foi contemplado pelo Prêmio Elisabete Anderle, de 2020. Depois de finalizado o trabalho de restauração, os documentos retornam para o Museu para integrar o acervo que já está com um espaço reservado para a acomodação dos itens.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.