Nacional: chuvas deixam mortos e cidades em estado de emergência na BA

Chuvas deixaram 18 mortos e 72 cidades em estado de emergência; inundações afetam 430 mil pessoas; 16 mil moradores estão desabrigados. Em Ilhéus, peixes foram parar na pista do aeroporto

Foto: Reprodução R7/Manuella Luana/EPP

- PUBLICIDADE -

Pelo menos 18 pessoas morreram depois da forte chuva que castigou o sul da Bahia. Mais de 430 mil pessoas foram afetadas no estado. Duas barragens se romperam e 72 cidades decretaram estado de emergência. Ao todo, 16 mil moradores estão desabrigados.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

Uma cidade destruída. Em Itabuna, no sul da Bahia, a chuva cobriu a ponte do rio Marabá, que fica no centro da cidade. A enchente começou na noite da última sexta-feira e desabrigou centenas de famílias.

Imagens mostram o nível do rio Cachoeira subindo e equipes da prefeitura tentando retirar as baronesas, plantas que se crescem em ambientes poluídos. Elas ficaram presas nas pilastras das pontes.

De acordo com a Defesa Civil, só no sábado choveu 135 milímetros. Para se ter uma ideia da quantidade de água, a média para o mês todo é de 180. Um natal que muitas famílias jamais vão esquecer.

No domingo a chuva não parou e o nível do rio subiu mais meio metro. O resultado: casas debaixo d’água e ruas completamente alagadas.

Nove locais da cidade estão sendo usados para abrigar a população. Em vários pontos famílias foram socorridas por voluntários que usaram barcos.
Itabuna vive a maior enchente desde 1967. Onde a maioria dos bairros foi atingida mais de 600 famílias estão desabrigadas. O prefeito Augusto Castro decretou situação de emergência.

Peixes na pista do aeroporto

A chuva forte afetou outras cidades como Ibiracaí, Aurelino Leal, Uruçuca, Itororó, Itajuípe, Itapetinga e Ilhéus. Uma força-tarefa foi criada pelo Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e Prefeitura para ajudar as famílias atingidas pela chuva. O governador Rui Costa determinou a instalação de uma rede de apoio em Ilhéus para atender aos municípios atingidos pela chuva.

No Aeroporto de Ilhéus, pelo menos 14 peixes foram retirados da pista segundo a empresa que administra o terminal aéreo.

Em Itambé, os moradores também vivem uma situação dramática. Uma barragem que fica no distrito de Iguá, em Vitória da Conquista, a cerca de 58 km da cidade se rompeu na noite de sábado. Mais de 580 famílias foram atingidas. Os prejuízos são incalculáveis. A água invadiu ruas e casas, e os moradores foram obrigados a sair rapidamente para um local seguro, deixando para traz todos os pertences. Cerca de 60 casas desabaram.  As famílias atingidas estão sendo acolhidas em escolas do município.

*Via R7

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.