Lauro Müller: Serra do Rio do Rastro está com trânsito interditado

Em função das baixas temperaturas, SC-390, que liga Lauro Müller a Bom Jardim da Serra, está fechada até às 18 horas de hoje

Foto: Divulgação/ Polícia Militar Rodoviária
- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Lauro Müller

- PUBLICIDADE -

As baixas temperaturas registradas neste início de semana provocam pontos de congelamento em diversas rodovias estaduais. A SC-390, trecho da Serra do Rio do Rastro, entre Lauro Müller e Bom Jardim da Serra, está com o trânsito interrompido até às 18 horas desta terça-feira. Porém, a interdição pode ser estendida, caso os termômetros sigam registrando temperaturas baixas. “Se continuarmos com as temperaturas muito baixas, e com gelo na pista, poderemos estender a interdição por mais tempo. Dependemos das condições climáticas”, explica o comandante do 15º Grupo de Polícia Militar Rodoviária, Sargento André de Andrade.

Habitualmente, a SC-390, na Serra do Rio do Rastro, já está fechada de segunda-feira a sexta-feira, das 7h às 18h – para quem sobe – e das 7h às 19h, para quem desce, por conta de obras de contenção no local. Com isso, uma alternativa seria a SC-370, pela Serra do Corvo Branco. Entretanto, essa rodovia também está interditada. “O jeito, para quem precisa subir a Serra, é seguir pela BR-282, em Palhoça”, orienta o Sargento André.

Na madrugada de segunda para terça-feira, os policiais militares rodoviários usaram diversas sacas de sal para dissolver o gelo, porém, com a grande quantidade de água congelada e ventania, as ações não foram suficientes. “A guarnição sempre coloca sal na pista, mas foi muito frio. Não tem sal que dê conta”, comenta o Sargento André.

Mesmo com a dificuldade na pista, não foram registrados acidentes no posto policial. “Acidente, na subida da Serra, não tivemos. Apenas os veículos que ficaram trancados devido ao gelo na pista”, finaliza.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.