Içara lança campanha ‘Alimente o Bem’

Ação organizada pela CDL, Acii, Prefeitura Municipal e Igreja Católica irá arrecadar alimentos e mantimentos para beneficiar famílias necessitadas

Foto: Divulgação
- PUBLICIDADE -

A pandemia do coronavírus acentuou ainda mais as necessidades básicas de famílias em situação de risco. Diante disto, os poderes públicos e privados de Içara organizaram a campanha ‘Alimente o Bem’, lançada oficialmente neste sábado. A iniciativa tem a participação da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Associação Empresarial de Içara (Acii), Prefeitura Municipal e Igreja Católica. O foco é arrecadar nos próximos 30 dias o maior número de mantimentos para serem distribuídos aos lares carentes do município.

Os pontos de arrecadação estarão espalhados por todo o território içarense. Seja no comércio, nas indústrias, nos órgãos municipais ou nas igrejas, a população terá a oportunidade de fazer o bem, doando alimentos não-perecíveis e itens de higiene pessoal. As arrecadações serão distribuídas a partir de junho, nos bairros mais desprovidos.

- PUBLICIDADE -

“Faremos mercadinhos itinerantes aos sábados onde a necessidade é maior, de acordo com os dados da Prefeitura. Geralmente iremos utilizar os salões paroquiais. Vamos avisar a imprensa onde será o mercadinho da semana para informar os moradores. As pessoas poderão receber aquilo que precisam, não aquilo que querem dar, para não desperdiçarmos alimentos”, explica Paulo Roberto Brigido, presidente da CDL de Içara.

Tanto a Igreja Católica, quanto a Prefeitura, auxiliarão na escolha dos bairros beneficiados a partir das informações sociais já compiladas. “Ambos têm a parte de Assistência Social, que estarão presentes nos mercadinhos para evitar que as pessoas se aproveitem disso. Serão seguidos os respectivos cadastros. Queremos chegar à mesa de quem realmente precisa de ajuda”, indica Brigido.

A campanha de doação segue até o dia 10 de junho. Depois, será realizado um balanço de todos os itens arrecadados. As entidades não descartam iniciar outros tipos de arrecadações nos próximos meses, como de materiais de construção, por exemplo. “Vamos manter esse time unido, concentrando forças para o bem dos içarenses”, destaca.

Existe a possibilidade de o primeiro mercadinho itinerante ser montado já no próximo sábado, dia 15. Para isto, o número de doações ao longo desta semana precisa ser elevado. “Se surtir efeito, talvez já possamos começar a distribuição na semana que vem”, aponta. Leite, água, óleo, qualquer alimento não-perecível (que podem ser guardados por períodos longos e trazem menores dificuldades à conservação), e itens de higiene de limpeza, incluindo álcool em gel, é o foco principal dos organizadores. “Nossa meta é alcançar em torno de 1.000 famílias”, arremata Brigido.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.