Hemosc lança campanha para resgatar doadores de 2008

Os estoques de sangue tipo A e O positivos e negativos diminuíram durante a pandemia

Foto: Mauricio Vieira / Arquivo / Secom

- PUBLICIDADE -

O Centro de Hematologia e Hemoterapia de Santa Catarina (Hemosc) está realizando a campanha SuperAção Resgate de Doadores, que tem como objetivo resgatar doadores desde o ano de 2008.

De acordo com a responsável pelo setor de captação do hemocentro de Criciúma, Maria Regina Boteon Buttner, as doações caíram durante o período de pandemia. “Os estoques diminuíram demais, e os hospitais continuam funcionando e precisam desses estoques”, enfatizou ela.

- PUBLICIDADE -

O paciente que fez a vacina AstraZeneca, Pfizer ou Janssen só poderá fazer a doação após sete dias. Aqueles que fizeram a Coronavac poderá doar após 48 horas depois da aplicação.

O foco da campanha são os doadores com as tipagens A e O, positivos e negativos, que são os de maior consumo.

Para fazer a doação ligue para o Hemosc de Criciúma, no telefone (48) 3444-7410 ou pelo site.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.