Grupos etários chamados terão cinco dias para tomar a vacina em Criciúma

Decreto assinado pelo prefeito Clésio Salvaro prevê ainda que, se não houver justificativa, depois dos cinco dias as pessoas serão colocadas no final da fila de vacinação

Foto: Divulgação
- PUBLICIDADE -

Em Criciúma quem escolher vacina será colocado no final da fila e, a partir desta terça-feira (6), quem demorar mais de cinco dias para aplicar a dose depois que seu grupo etário for chamado, e não justificar o motivo, também será encaminhado para o final da lista da Secretaria Municipal de Saúde. A decisão foi oficializada por meio do Decreto nº 1090/21, assinado pelo prefeito Clésio Salvaro, e baseada em diversos fatores, como a situação de calamidade e a necessidade da vacina, que por enquanto, é a única forma de reduzir as consequências da pandemia de coronavírus.

“Algumas pessoas, infelizmente, não estão procurando as unidades de saúde quando chega sua vez de fazer a vacina e isso atrasa o processo e compromete a imunização de quem está aguardando. Não vamos obrigar ninguém a tomar a vacina, mas precisamos dar encaminhamento na campanha em toda a população. Quem não quiser tomar, ou quiser escolher o dia e a vacina, vai fazer isto lá no final da fila”, destacou o prefeito Clésio Salvaro.

- PUBLICIDADE -

De acordo com o decreto, “o cidadão que não comparecer à unidade de saúde ou posto de vacinação, quando disponibilizado pelo Município de Criciúma o imunizante para seu grupo etário, sem razão justificada (doença, viagem ou outra), no prazo de cinco dias, a partir da primeira chamada, será colocado no final da fila de vacinação, sendo-lhe autorizado receber o imunizante após a vacinação de todas as faixas etárias”. O documento será publicado ainda nesta terça-feira.

De acordo com o Portal Minha Vacina, Criciúma já aplicou mais de 116 mil doses. Nesta terça-feira iniciou a vacinação para a faixa etária acima de 40 anos e na próxima quarta-feira (8) deve iniciar a vacinação para os trabalhadores da indústria, com logística que será definida pela Secretaria Municipal de Saúde. “Nossas equipes estão prontas para vacinar toda a população. Chegou vacina nós vacinamos”, afirmou o secretário Acélio Casagrande.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.