Governo municipal de Içara intensifica vacinação contra influenza

A vacinação já iniciou há mais de duas semanas para crianças e gestantes, porém os números ainda não são satisfatórios em razão do foco na vacina contra o Covid-19

Foto: Maurício Vieira/ Arquivo/ Secom
- PUBLICIDADE -

O Governo Municipal de Içara começa a intensificar a campanha de vacinação contra a Influenza. Na verdade, a vacinação já iniciou há mais de duas semanas para crianças e gestantes, porém os números ainda não são satisfatórios em razão do foco na vacina contra o Covid-19. Como estratégia de divulgação, a Secretaria Municipal de Saúde utiliza as agentes comunitárias para informar durantes as visitas, além de ligações telefônicas para as famílias cadastradas nos postos de saúde. Uma campanha de mídia também será iniciada nesta sexta-feira, dia 14, através dos veículos de comunicação.

Até a quarta-feira, haviam sido vacinadas 2.064 pessoas especialmente entre crianças, gestantes e profissionais da área da saúde. Porém, o objetivo da Vigilância Epidemiológica do município de Içara é alcançar dentro do público alvo que compreende, além de crianças e gestantes, também os idosos, portadores de deficiências e/ou comorbidades e professores, quase 20 mil doses.

- PUBLICIDADE -

“Nosso maior pedido é que os país levem as crianças para vacinar e não tenham medo. É importante que elas estejam vacinadas e protegidas contra o H1N1 pois ela também tem consequências tal como o Covid-19”, alertou a coordenadora da vigilância Graziela Macarini Zuchinali. “O Covid-19 está nos ensinando que a prevenção é fundamental no controle de doenças infecciosas. Por isso, é fundamental ter muita atenção para a vacinação“, completou a prefeita Dalvânia Cardoso.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.