Dia do Cliente reforça a importância da valorização dos consumidores

Comemorada nesta quarta-feira, data tem como objetivo estreitar relações e aumentar a confiança entre compradores e lojistas

Foto: Guilherme Cordeiro/ TN

- PUBLICIDADE -

Criciúma

Com o objetivo de valorizar e estreitar as relações, o dia do Cliente é celebrado, anualmente, em 15 de setembro. A data reforça a importância de oferecer aos consumidores atendimento qualificado e boas ofertas, a fim de conquistar novos compradores e fidelizar os antigos.

- PUBLICIDADE -

“A ideia do dia do cliente é para valorizar o cliente. É uma data onde as lojas começam a pensar nos consumidores de uma forma diferente. Até alguns anos atrás, nós não vendíamos, nós éramos comprados. Hoje, se você não vende, você não é mais comprado. A diversidade de canais e de oferta é muito grande. Então, esse dia é para lembramos da valorização, seja através de promoções, atendimento diferenciado ou um brinde”, comenta o vice-presidente institucional da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Criciúma, André Luiz Santiago de Castro.

Além disso, a data também é fundamental para estreitar laços com os clientes. “Principalmente, aqueles que fugiram para outros canais ou outras lojas, trazer esse pessoal de volta. O dia do Cliente dá uma chacoalhada no lojista, para ele olhar o consumidor de uma maneira diferente. Não existe mais aquilo de que o cliente comprava com o comerciante porque já fazia isso há 50 anos”, acrescenta o vice-presidente. “Hoje, os novos clientes não muito ágeis, eles vão atrás de oferta, de oportunidades e bom atendimento”, acrescenta.

Hoje, um dos principais fatores que implicam na fidelização dos clientes é o bom atendimento. “Se a loja não tem, esquece, está fadada a fechar. Esta data é para ficarmos atentos ao atendimento aos nossos consumidores, ver as dificuldades, necessidades e agradá-los. Mimá-los, literalmente”, pontua De Castro. “Nós, lojistas, temos que nos atentar às mudanças”, complementa.

Em Criciúma, as tradicionais lojas, que há décadas fazem parte do comércio do município, hoje, são administradas pelos filhos e netos dos primeiros proprietários. “Com essa renovação que está acontecendo no comércio, hoje, a segunda ou até mesmo a terceira geração está assumindo as lojas tradicionais. Essa turma está entrando com outra visão. Nós temos uma grande dificuldade que é a mão de obra, mas estamos tentando qualificação desses profissionais para melhorar o atendimento e agradar mais”, frisa o vice-presidente institucional da CDL.

“É uma data vem para agregar”

Para o gerente de uma sapataria, localizada no Centro de Criciúma, Gilvan Antônio de Oliveira, a data vem para agregar o bom relacionamento com os consumidores. “Estamos com uma campanha nossa mesmo, da loja, que vendemos produtos de uma marca e, através das redes sociais, o cliente concorre a um tênis. É um gancho para nós alavancarmos as vendas nesse dia comemorativo”, comenta.

Atenção para fraudes

Apesar de a data ser direcionada para estreitar a relação com o cliente, os consumidores precisam estar atentos a algumas fraudes que são comuns, principalmente, em vendas on-line.

  • Fique atento às ofertas fora do padrão, mesmo quando são divulgadas em épocas que há grandes promoções;
  • É importante verificar se o desconto é real, já que existem muitos sites que sobem o preço após divulgarem uma promoção;
  • Cuidado com compras de sites estrangeiros, as regras do Código do Consumidor não se aplicam se o site não tiver representantes no Brasil;
  • O consumidor que realizar a compra pela internet ou telefone terá direito ao prazo de arrependimento, que é de sete dias a partir da entrega do produto.

 

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.