Criciúma: Lançamento do Natal Mais Luz 2021 será no dia 27 de junho

A campanha existe desde 2017 e tem como objetivo arrecadar recursos para a compra de brinquedos e guloseimas que, no Natal, são distribuídos às crianças em situação de vulnerabilidade social de Criciúma.

- PUBLICIDADE -

Os voluntários da campanha Natal Mais Luz já estão preparados para mais uma edição. O lançamento oficial do projeto será no dia 27 de junho, domingo, a partir das 19h30, através de uma live que será transmitida pelo instagram @natalmaisluz . A jornalista Pity Burigo estará no comando da apresentação. Os cantores Jorge Nando, Beto Cardoso, Eric Peter e Clarissa Melo também farão parte do evento que dará início às arrecadações deste ano.

A campanha existe desde 2017 e tem como objetivo arrecadar recursos para a compra de brinquedos e guloseimas que, no Natal, são distribuídos às crianças em situação de vulnerabilidade social de Criciúma. O projeto é coordenado por Maria Henrique Leandro e conta com uma equipe de 19 voluntários.

- PUBLICIDADE -

“É sempre muito prazeroso ajudar as pessoas e colaborar com causas sociais, ainda mais quando se trata de crianças. Muitas pessoas não sabem o que é isso”, relatou um dos voluntários da campanha Natal Mais Luz, Andrey Santos.

Parceria

A live de lançamento oficial do Natal Mais Luz, contará com o sorteio de seis brindes, sendo estes:

– Design de sobrancelhas, do Ateliê Janaina de Freitas;

– Unha decorada da Art Unhas da Cry;

– Flâmula personalizada com a identidade visual do Natal Mais Luz, da Famular – Flâmulas e Decor;

– Óculos solar, da MR Sunglasses;

– Bolsa com quitutes caseiros da Delicious By Maria;

– Livro ‘O diário de uma torcedora carvoeira’, da escritora e também voluntária do projeto, Beatriz Sônego.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.