Cocal do Sul concluirá vacinação nos idosos neste sábado

As pessoas de 60 e 61 anos serão imunizadas neste sábado, feriado do Dia do Trabalhador

Foto: Divulgação/ Amanda Farias
- PUBLICIDADE -

O município de Cocal do Sul irá realizar mais um drive-thru de vacinação contra o coronavírus neste sábado, dia 1° de maio. A Secretaria Municipal de Saúde vai aproveitar feriado do Dia do Trabalhador para concluir as duas faixas etárias nos idosos, sendo 60 e 61 anos de idade. A ação vai acontecer no mesmo local, na Rua Província de Bérgamo, próximo à Polícia Militar, na região central. O horário será das 8h às 13h. Vale ressaltar que é obrigatório levar a carteira de vacinação e um documento com foto.

“Aquelas pessoas que não conseguiram fazer a vacina contra a Covid-19 até esse momento e já passou a fase da sua faixa etária, e que têm acima de 60 anos, devem deixar seus nomes com as agentes de saúde para que na próxima etapa elas possam ser chamadas para fazer a vacina, elas serão atendidas”, frisa a enfermeira responsável pela Vigilância Epidemiológica do município, Gilmara Viel.

- PUBLICIDADE -

Em relação às pessoas com comorbidades, gestantes e puérperas, ainda não uma definição quanto à previsão de data para receberem a vacina. “Tivemos uma reunião com a Gerência Regional de Saúde e ainda não temos uma posição sobre como irá funcionar, mas sabemos que serão os próximos”, comenta Gilmara.

As pessoas serão vacinadas com a imunizante AstraZeneca e no momento da vacina já serão informadas sobre a data da segunda dose, que constará no cartão de vacinação. Segundo Gilmara, o município está seguindo os critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde e está tendo resultados positivos pela procura das faixas etárias no momento da vacinação.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.