Banda que se uniu na pandemia lança nova música em Criciúma

‘Benquista’ é o segundo single da banda; grupo planeja lançar EP com mais sete músicas em 2022

Foto: Divulgação

- PUBLICIDADE -

A banda BRVMAS (pronunciada como brumas), lançou neste mês o single ‘Benquista’, que é o segundo do grupo. Para o próximo ano, o objetivo é lançar um EP com mais sete músicas. A banda é formada por um uruguaio da cidade de Montevidéu e dois criciumenses. 

A composição fala sobre ciclos da vida. “Benquista é uma letra bem pessoal e fala sobre o ciclo que vivo hoje, que é o de não estar usando antidepressivos. Faz alguns meses que não uso” afirma Mauro Fabian, de 33 anos, vocalista uruguaio da Brvmas.

- PUBLICIDADE -

Escute a música aqui:

 

A banda

O grupo  é formado por três integrantes: um cantor, um guitarrista e um baixista. Os músicos se juntaram em outubro de 2020 como uma forma de aliviar a ansiedade causada pela pandemia. “Nós recebemos o apoio de um musicista e produtor fenomenal, o Thalles Mattos. Foi ele que deu um empurrão para gravar Morfina, que foi nosso primeiro single. Ele viu potencial no que a gente estava fazendo e foi fundamental pra gente levar a sério, de passar do ensaio para compor e realmente gravar”, conta Fabian.

Letras e estilo musical

Apesar da nacionalidade do cantor, as músicas são escritas em português. “Nesse momento, sou eu que estou escrevendo as letras. Mas nada impede que o restante do grupo traga letras para a banda”, afirma Fabian. Para ele, é interessante que cada ouvinte interprete as músicas do seu jeito. “Eu gosto da ideia de que cada pessoa tire os seus próprios significados através da letra” confirma o compositor. 

O grupo se enquadra dentro dos estilos musicais pós-punk, shoegaze e indie. “Nós não temos um estilo bem pré-definido, mas o pós-punk é um estilo bem forte que habita dentro das nossas músicas”. São usados sons de baterias pré-gravados como complemento nas composições.

Distância entre os músicos

Recentemente, após viver 15 anos em Criciúma, Mauro voltou a morar no Uruguai, mas os integrantes não deixaram de trabalhar, compondo e trocando sugestões à distância. “Agora a gente é mais uma banda de estúdio. É bem mais tranquilo porque a rotina de ficar ensaiando sempre é bem cansativa e a de compor e gravar é algo divertido”, revela Guilherme Cordeiro, guitarrista de 28 anos da banda. “Não tem cobrança de nada, os três trabalham individualmente e em grupo ao mesmo tempo. A nossa música é uma síntese dos três e é algo muito homogêneo”, define Cordeiro. 

“A BRVMAS veio como um projeto onde desde o início eu já acreditava muito no nosso potencial. Nós ainda temos muita coisa pra viver e compartilhar como banda, e sei que eles querem tanto quanto eu, mostrar para o mundo quem somos”, destaca Gabriel Milioli, baixista da banda.

Próximos lançamentos

O grupo já está empenhado na produção das próximas músicas que serão lançadas no ano que vem. Letras, nomes e estruturas das músicas já estão sendo estudadas e construídas.

Para acompanhar as gravações e os lançamentos, acesse:

Instagram: https://www.instagram.com/somosbrvmas/

Spotify – https://bit.ly/somosbrvmas

Apple – https://apple.co/3sxDdyq

Deezer – https://bit.ly/3yfKZ1n

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.