Após casos de escorpião-amarelo na região, Cocal do Sul redobra cuidados

O alerta surgiu após a espécie ter aparecido em alguns municípios vizinhos; saiba como se proteger

Foto: Divulgação/ Amanda Farias
- PUBLICIDADE -

Depois do surgimento de um escorpião-amarelo na última semana em alguns municípios da região, a Vigilância Epidemiológica de Cocal do Sul reascendeu o alerta em relação aos cuidados que a população deve ter. Uma das espécies mais graves é a Tityus serrulatus, popularmente conhecida como escorpião-amarelo, cuja picada pode levar à morte.

“O escorpionismo é o envenenamento provocado quando o escorpião injeta o veneno através do ferrão; após a picada, a pessoa deve lavar o local com água e sabão, não cortar, furar ou apertar o local da picada, beber bastante água e ir o mais rápido possível a uma unidade de saúde ou hospital para uma consulta médica”, orienta a enfermeira responsável pela Vigilância Epidemiológica, Gilmara Viel.

- PUBLICIDADE -

A enfermeira explica que também é necessário entrar em contato com as vigilâncias sanitária ou epidemiológica para informar quando se encontrar um escorpião e a orientação é que mesmo que mate o animal, não se deve descartá-lo. Para isso, basta ligar para os telefones 3444-6046 (Vigilância Sanitária), 3444-6035 (Fundac) ou 3444-6098 (Defesa Civil).

Confira as orientações:

·Mantenha seu quintal e jardim sempre limpos, evitando plantas de muita folhagem

·Não jogue lixo e entulhos ao redor de sua casa; o lixo é um bom ninho para escorpiões

·Elimine latas velhas, cacos de telhas e outros objetos que possam acumular água; os escorpiões têm necessidade de água

·Acabe com as baratas, elas são um bom alimento para escorpiões

·Acabe com buracos e frestas em paredes, janelas, portas e muros

·Observe com cuidado os panos de chão e as roupas úmidas antes de apanhá-las

·Tenha cuidado para não ser picado nas mãos quando mexer em montes de lenha, entulho, folhagens e buracos

·Faça sempre uma busca cuidadosa dentro e fora de casa

·Observe com cuidado sapatos e roupas, sacudindo-os antes de calçá-los ou vesti-los

·Não mate sapos e lagartos; para as galinhas o escorpião é um bom prato

· Se você for picado, procure imediatamente o serviço de saúde mais próximo

· Se você matar o escorpião, não descarte o animal; acione a Vigilância Sanitária ou Defesa Civil

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.