Amesc: Associação dos Autistas busca expandir atendimentos com nova sede

Entidade oferece amparo e assistência a 109 crianças residentes em municípios do Extremo Sul

Foto: Divulgação/ Senado
- PUBLICIDADE -

Araranguá

Um importante passo foi dado para a inclusão nos municípios que pertencem ao Extremo Sul (Amesc). A Associação dos Pais de Autistas (AMA) da região abre às portas da sua nova sede no próximo sábado, na Rua Caetano Lumertz, em Araranguá, para atender crianças e famílias que necessitam de amparo e assistência. Atualmente, 109 alunos residentes na localidade recebem atendimento gratuito e especializado.

- PUBLICIDADE -

De acordo com o presidente da AMA ESC, Luiz Vicente Costa, o atendimento já é realizado há alguns anos na região. “Por conta da pandemia acabamos parando os serviços. Antes, a gente tinha locado um espaço mais no centro da cidade, só que por fim, tivemos que paralisar. Agora locamos uma nova área, que já era um consultório pediátrico e tem toda a estrutura pronta para ofertar os serviços. Vamos fazer o uso durante todos os dias da semana”, explica.

Atualmente, as crianças inscritas recebem todo o suporte da entidade. “A gente presta serviço terapêutico totalmente gratuito para a região, além disso, fazemos um trabalho de acolhida dos pais no momento do recebimento do diagnóstico e, quando há negação, nós damos um direcionamento. A partir de segunda-feira, nós também vamos começar a emitir a carteirinha de identificação dos autistas, junto com o passe livre, que é o transporte gratuito intermunicipal”, acrescenta Costa.

Desta forma, o principal objetivo com a nova casa da associação é expandir o atendimento e fazer com que outros autistas tenham acesso aos serviços. “A intenção nossa é estar divulgando ainda mais a AMA ESC e fazer com que toda a região saiba que há uma entidade especializada no atendimento ao autista de forma gratuita”, enfatiza Costa. “Nós também conseguimos uma parceria com um advogado voluntário, que vai prestar assessoria jurídica, em um turno por semana, para os pais de autistas tirarem dúvidas nessa área, vamos deixar à disposição”, completa.

No mês que se comemora a importância da conscientização sobre o autismo, a nova sede vem para desenvolver ainda mais a inclusão no Extremo Sul. “É extremamente importante que se conheça o que é autismo, para que se consiga entender os autistas e melhor inseri-los na sociedade. A população só consegue lidar bem quando conhece melhor sobre a condição”, finaliza o presidente da AMA ESC.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.