Nova Veneza: história de Dovílio Spillere é contada em livro

Dovílio é conhecido na região por ser o precursor do ramo metalúrgico e esteve envolvido ao longo de sua vida com, pelo menos, 20 empresas da área

Dovílio com a sua esposa Rosa Macarini - Foto: Divulgação/Arquivo pessoal

- PUBLICIDADE -

Thais Borges/Especial
Portal TN Sul
Nova Veneza

Dovílio Spillere tem uma história marcada nas terras de Nova Veneza e esses passos foram contados em um livro, que será lançado na noite desta quinta-feira, 09, no Teatro Municipal de Nova Veneza, justamente no centenário de Dovílio. Ele é conhecido na região por ser o precursor do ramo metalúrgico e esteve envolvido com, pelo menos, 20 empresas da área.

- PUBLICIDADE -

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

No primeiro momento, a edição do livro é limitada para a família. 500 exemplares serão distribuídos para os conhecidos e autoridades presentes. 

Dovílio com a sua esposa Rosa Macarini – Foto: Divulgação/Arquivo pessoal

Neto de italiano da comuna de Malo, da Província de Vicenza, na Itália, Dovílio inovou na década de 40 ao montar uma metalúrgica depois de atuar como ferreiro no Caravaggio aos 18 anos. Ele também foi um dos precursores na ajuda da construção do santuário de Nossa Senhora do Caravaggio. “A gente tem um capítulo especial dentro do livro em que abrimos só para falar disso”, explica Mariana Panato, uma das escritoras do exemplar. Dovílio faleceu em 2010, aos 89 anos.

Construção do Santuário de Nossa Senhora do Caravaggio na década de 60 – Foto: Divulgação/Arquivo pessoal

Trabalho minucioso

Foi necessária uma centena de dias de pesquisas, estudos, entrevistas, coletas de dados e documentos para construir o livro. Os escritores, Mariana Panato e Benício Marcos Spillere, se reuniram com fervor para conseguir relatar a trajetória da forma mais completa. “Ele foi um homem muito à frente do seu tempo. Foi um visionário. Era muito envolvido com a comunidade, inclusive no meio político”, conta Mariana, estrategista de negócios e redatora publicitária. 

Depoimentos dos 17 filhos e de irmãs de Dovílio foram adicionados ao livro. Além disso, imagens e documentos exclusivos complementam as histórias contadas. “Foi um trabalho muito prazeroso. Foi o maior desafio da minha vida. Posso dizer com absoluta certeza: ele é o maior empreendedor da história do Caravaggio. Foi o homem que introduziu o setor metal-mecânico e isso começou em 1942, quando ele montou a ferraria”, alega Benício Marcos Spillere, historiador, pesquisador e sobrinho de Dovílio. 

Filhos de seu Dovílio – Foto: Divulgação/Arquivo pessoal
Fotos das filhas – Foto: Divulgação/Arquivo pessoal

Atualmente, são aproximadamente 170 membros na família. Marcos Aurélio Spillere é filho de Dovílio e Rosa Maccarini, ex-prefeito da cidade de Nova Veneza e foi um dos incentivadores da criação do livro. “Esse livro, nada mais é do que perpetuar a história de um grande homem. Nosso pai foi um grande herói, teve todas as dificuldades, mas sempre foi próspero”, afirma Aurélio. “Vai servir de exemplo para outras famílias, que com certeza, todas têm um desbravador como nós tivemos o nosso pai”, conclui.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.