Tigre: A montagem do time inicia pelo goleiro

Agenor será um dos pilares da nova equipe do Criciúma que disputará a temporada 2021. Poucos jogadores devem permanecer

- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Ainda sem ter um técnico definido para a temporada 2021 – Hemerson Maria é o favorito para o cargo – a diretoria do Criciúma começa a procurar jogadores que irão compor o elenco deste ano. Após a saída da empresa Gestão de Ativos (G.A.) do comando do futebol do clube e a renúncia de Jaime Dal Farra, o novo presidente Anselmo Freitas e o diretor de futebol, Waldeci Rampinelli, estão no mercado em busca de atletas.

Entre os remanescentes do ano passado está o goleiro Agenor. De contrato renovado até dezembro, o experiente jogador, de 31 anos, será um dos líderes do novo elenco carvoeiro. Ele terminou a temporada passada como titular. Foram 24 partidas em 2020, sendo 18 na Série C e seis no Catarinense. Ele chegou a marcar dois gols – ambos em cobranças de pênaltis.

Em novembro, quando assinou o novo vínculo com o Tricolor Carvoeiro, Agenor afirmou que a permanência se deu pela identificação que o jogador tem com a instituição, cidade e torcida. Inclusive, o jogador teve propostas de equipes da Série B, mas escolheu ficar no Criciúma. Realmente, recebi essas duas propostas. De imediato, passei para a diretoria e, em comum acordo, estendemos meu vínculo com o Criciúma”, disse, na época.

Apenas 12 jogadores devem seguir

Além de Agenor, o também goleiro Diego, os laterais Bruno Oliveira e Victor Guilherme, os volantes Adenilson e Eduardo, os meias Jean Lucas, Nickson e Rullian e os atacantes Eduardo Melo, Jean Dias e João devem permanecer para a temporada 2021. Todos eles têm contrato vigente com o clube e estiveram no elenco de 2020. Nickson e Rullian foram menos aproveitados e devem ter mais chances neste ano.

Victor Guilherme, Eduardo, Jean Lucas e Jean Dias foram titulares em grande parte das partidas do ano passado. Eles foram bem aproveitados tanto por Roberto Cavalo quanto por Itamar Schulle. Inclusive, Jean Dias anotou três gols – dois pela Série C e outro no Catarinense.

O foco inicial da diretoria carvoeira deve ser a zaga, pois o clube não tem, atualmente, atletas disponíveis para o setor. Laterais, meias e atacantes também serão buscados pelos novos gestores de futebol do Criciúma.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.