Rampinelli informa desligamento do Tigre

O anúncio foi feito em coletiva de imprensa pós-jogo

- PUBLICIDADE -

O diretor de Futebol do Criciúma, Waldeci Rampinelli, informou que deixará o clube após o rebaixamento para a Série B do Campeonato Catarinense. O anúncio foi feito em coletiva de imprensa pós-jogo. A assessoria de imprensa do clube confirmou a informação.

“Vai ficar na minha história que eu coloquei o Criciúma na Série B do Catarinense. Tentamos montar uma equipe com uma boa estrutura dorsal. Uma comissão técnica conhecedora do futebol catarinense e montamos uma estrutura com 26 atletas. O nosso projeto era ficar entre os oito colocados. Após isso, pensamos em contratar peças pontuais para a Série C do Brasileiro. Infelizmente nós não tivemos capacidade para fazer uma equipe mais forte e o grande culpado por isso sou eu”, declara Rampinelli.

- PUBLICIDADE -

Ele lembra que todas as contratações passaram pelo crivo dele. Além disso, agradeceu todas as pessoas envolvidas no quadro de funcionários do Criciúma. “Saio de cabeça erguida. Erramos? Erramos. Mas tentamos acertar. Quero pedir perdão ao presidente por não conseguir alcançar o objetivo”, diz Rampinelli, informando que não tem mais condições de permanecer como diretor de Futebol. “Estou triste, abatido, derrubado, mas é a verdade. E nós temos que enfrentar as verdades”, complementa Rampinelli.

Waldeci Rampinelli assumiu o cargo em 1º de janeiro de 2021, quando o presidente Anselmo Freitas tomou posse no Criciúma E.C.

Rampinelli é figura conhecida no Tigre e já participou da campanha vitoriosa em 2012, em que o Criciúma obteve o acesso à Série A, sob a presidência de Antenor Angeloni. Na época, Rampinelli deixou o cargo por considerar que a missão já havia sido cumprida. Retornou em 2021 e permaneceu de janeiro até ontem.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.