O jogo mais importante do ano para o Criciúma

Diante do Fluminense, no sábado à tarde, Tigre busca a classificação para ficar entre os oito melhores da Copa do Brasil. Qualquer empate no Maracanã garante a vaga para o time treinado por Paulo Baier

- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

O Tricolor Carvoeiro está a 90 minutos de figurar entre os oito melhores times da Copa do Brasil. Neste sábado, a partir das 16h30, no Maracanã, qualquer empate, diante do Fluminense, serve para o Criciúma carimbar a vaga às quartas de final da competição. Após vencer por 2 a 1, na terça-feira, o time treinado por Paulo Baier tem dois dos três resultados a favor. Até perdendo, por um gol de diferença, o time terá a chance de se classificar, na disputa de pênaltis.

É o jogo mais importante do ano, até o momento, para o Criciúma. Depois de um início de ano vexatório, que culminou com o rebaixamento para a Série B do Catarinense, a diretoria mudou o rumo do clube. Com um novo treinador – Paulo Baier – novo diretor de futebol – Juliano Camargo – e 20 contratações, o Tigre volta a ser protagonista em cenário nacional e, desta vez, diante de um adversário de Série A. “É um jogo muito importante para a gente. Nos preparamos muito bem para esse confronto e sabemos a dificuldade que vai ser lá, pela qualidade e grandeza do nosso adversário. O professor Baier e todo grupo está focado para fazer de tudo para voltar com a classificação”, afirma o atacante Hygor, ainda antes da viagem para Florianópolis – a primeira parada antes da chegada ao Rio de Janeiro.

A delegação carvoeira iniciou a viagem ainda na noite de quinta-feira, após treinos em dois turnos. Eles pernoitaram em Florianópolis e seguem, em voo direto, até o Rio de Janeiro, às 11h desta sexta-feira. Durante a tarde do dia 30 haverá um treino físico, no hotel mesmo, como forma de preparação para a partida de sábado.

Logo após o desafio no Rio de Janeiro, a delegação carvoeira segue para Sorocaba, no interior de São Paulo, onde ficará hospedada em preparação para o jogo diante do Ituano, na quarta-feira, dia 4, pela Série C, em Itu.

Time será confirmado apenas uma hora antes do jogo

A grande dúvida de Paulo Baier é o substituto do volante Arilson, que está lesionado e não joga. Dudu Figueiredo e Jessé brigam pela posição. Na terça-feira, Dudu foi o escolhido para entrar no lugar do camisa 8. Nessa configuração, Eduardo atuou mais recuado e o time dominou os cariocas. Porém, com a vantagem de 2 a 1, construída no Majestoso, Baier pode optar por Jessé e assim manter o time mais defensivo para tentar segurar a vantagem.

Arilson está recebendo tratamento especial dos departamentos médico e físico do Criciúma. Ele tem um problema de equilíbrio muscular, o que ocasiona lesões no atleta. Através de um comunicado, os médicos e fisioterapeutas do clube disseram que “nestas condições há necessariamente um período nem sempre curto para a reabilitação”.

Desta forma, o jogador deve ficar de fora das próximas partidas do clube. O caso é tratado de maneira tão especial pelos departamentos, que há a possibilidade do atleta ser avaliado em Florianópolis, para se recuperar mais rápido e de forma plena. “O departamento médico tem investido todos os recursos humanos e tecnológicos a fim de obter rápida resposta, e neste sentido, caso haja real necessidade, há a possibilidade de ser realizada uma avaliação biomecânica dos membros inferiores em clínica especializada em Florianópolis”, diz o comunicado que foi emitido pela assessoria de imprensa do clube.

Confira o texto na íntegra sobre a situação de Arilson

“O volante Arilson vem sendo acompanhado com muita atenção pelo departamento médico do Criciúma desde a sua chegada ao clube e sendo tratado pelos médicos e fisioterapeutas, e em clínica especializada em reabilitação esportiva, visando o restabelecimento do equilíbrio muscular do atleta.

Não poupamos nenhum esforço no sentido de proporcionar uma melhora mais rápida possível, sendo sabedores que nestas condições há necessariamente um período nem sempre curto para a reabilitação.

O departamento médico tem investido todos os recursos humanos e tecnológicos a fim de obter rápida resposta, e neste sentido, caso haja real necessidade, há a possibilidade de ser realizada uma avaliação biomecânica dos membros infeirores em clínica especializada em Florianópolis.

 O atleta segue em tratamento e assim que possível retornará de imediato aos treinamentos”.

Copa do Brasil – Oitavas de Final – Jogo de volta

Sábado (31/07) – 16h30 – estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro

FLUMINENSE

Marcos Felipe; Samuel Xavier, Manoel, Luccas Claro e Egídio; Yago Felipe, Martinelli e Nenê; Luiz Henrique, Fred e Gabriel Teixeira. Técnico: Roger Machado

CRICIÚMA

Gustavo; Alemão, Rodrigo, Marcel Scalese e Helder; Dudu Vieira, Eduardo, Dudu Figueiredo (Jessé) e Fellipe Mateus; Hygor e Marcão. Técnico: Paulo Baier

Arbitragem: Felipe Fernandes de Lima; Auxiliares: Guilherme Dias Camilo e Celso Luiz da Silva (trio de MG).

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.