Números positivos na zaga carvoeira

Tigre sofreu apenas um gol na Série C e segue como um dos times menos vazados no grupo B da competição nacional

- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

A boa fase do Criciúma, na Série C e na Copa do Brasil, passa por uma defesa que sofre poucos gols. Sob comando de Paulo Baier, o time levou apenas três gols até gols – sendo que dois deles foram para o América-MG, clube da Primeira Divisão do futebol nacional. Na Terceira Divisão, o time levou apenas um gol – diante do Ypiranga, no confronto mais recente.

Ao lado do Tigre, apenas Novorizontino, Oeste e São José-RS também sofreram apenas um gol e são as melhores defesas do grupo B. O técnico Paulo Baier está confiante no trabalho que vem sendo realizado. “Eu estou muito satisfeito, o torcedor, com certeza, está satisfeito. São cinco jogos sem perder. Isso é o importante, o Criciúma vai crescer aos poucos e vamos melhorar muito ainda. Agora vamos ter um tempo para recuperar os atletas para dar continuidade ao nosso trabalho”, pontua.

No Catarinense, quando foi rebaixado para a Segunda Divisão, o Criciúma sofreu 10 gols em 11 partidas – quase um gol por jogo. Agora, a média baixou bastante: 0,33 gol sofrido por partida. “Estamos vivendo um bom momento, conseguindo os resultados. Foram duas vitórias em casa, um empate fora, estamos sem perder. Estamos no caminho certo”, destaca Baier, comentando a campanha realizada na Série C do Brasileiro.

Ataque melhora a média de gols marcados

Por outro lado, o ataque do Criciúma passou a balançar mais a rede dos adversários. Nos últimos dois jogos, foram quatro gols marcados – dois contra o América-MG e outros dois contra o Ypiranga. Nessas duas partidas, a equipe marcou 50% do que havia feito, até então, em 2021. “É o dia a dia, o trabalho. Estamos trabalhando finalizações e ajustando devagar. Vamos dando confiança aos atletas. O importante mesmo é que eles estão se dedicando e a bola começa a entrar mais, sobra um rebote e o futebol é assim”, destaca.

O técnico ressalta a evolução ofensiva do time com o passar dos jogos. “Vem chegando jogadores de qualidade e estamos recuperando outros atletas que eram muito contestados aqui dentro como o Eduardo e o Gustavo. Já recuperamos eles e fico feliz que a minha parte nisso está dando certo”, finaliza Baier.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.