Içara jogará o Regional da Larm

Diretorias de 10 clubes se unem e fundam nova agremiação que busca fazer história no futebol amador da região


- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Içara

- PUBLICIDADE -

O início de agosto é emblemático para o esporte do Sul de Santa Catarina: nasce o Içara Futebol Clube. A união das dez associações esportivas, que competem pelo Campeonato Içarense de Futebol, tem agora o objetivo de participar da Liga Atlética da Região Mineira (Larm). A parceria é inédita e reúne diretores dos times Barão, Barça PM, Barracão, Cristo Rei, Israel, Jaguara, Juventus, Real Içara, São José e Vila Nova. “A ideia é unificar. Em principio, eram dois ou três times, depois fizemos o convite para mais times, a maioria apoiou – quase todos do Campeonato Içarense – e quem não apoiou, não discordou, só não quis participar no momento. Deu tudo certo e o nosso foco é jogar a Série B da Larm para tentar subir. Nesse primeiro ano, a gente sabe que é difícil, mas começamos com um projeto a longo prazo. Não vamos entrar no campeonato e parar daqui um ano ou dois”, explica o presidente do novo clube, Mateus Rabelo.

A ideia inicial não é apenas participar, mas, sim, fazer história no futebol regional. “Içara respira futebol, o futebol amador da cidade precisava viver este momento. É a hora da união dos clubes em busca de um único objetivo: colocar Içara nos holofotes do futebol amador. Sonhamos alto, almejamos o futebol profissional. Tudo é possível”, reforça.

Mateus já alimentava a intenção há algum tempo. “A ideia não é nova: eu já tinha faz tempo. Claro que a gente foi amadurecendo porque não adianta criar 10 times e sair jogando a Larm. Os 10 times, de um município só, não vão aguentar”, explica.

Elenco já está sendo montado

Antes mesmo do anúncio oficial de fundação do clube – na última segunda-feira, dia 2 – o elenco do Içara Futebol Clube já estava sendo montado. “Faz uns 15 dias que estamos alinhando com alguns jogadores que são prioridades. Daqui mais 15 dias, no máximo, já devemos estar treinando”, detalha Mateus.

Os nomes ainda não estão sendo divulgados, pois há ainda alguns detalhes para serem ajustados. “Tendo tudo pronto, acertado, vamos falar. Temos uma base forte, boa e bem conhecida. Nomes até de Série A da Larm. A gente vai trazer alguns nomes de Tubarão, porque daí eles podem jogar a Segunda Divisão daqui”, explica o presidente.

Depois da formação da primeira diretoria, o treinador também está sendo escolhido e será divulgado em breve. “Estamos cercados por um seleto grupo que faz o Içara Futebol Clube nascer. Nascemos grandes e com o objetivo de ser campeões. É uma união jamais vista no município”, pontua o vice-presidente, Henrique Cardoso Selinger.

Quatro locais são candidatos a sediarem os jogos

A intenção inicial do Içara Futebol Clube era usar diversos campos do município, em rodízio, para apresentar o clube à cidade. Porém, o regulamento do Regional da Larm permite que apenas dois estádios sejam inscritos. Desta forma, são quatro os nomes favoritos da diretoria. “Em princípio, pensamos no campo do Barão, na Mineração, e a Vila Nova. Mas tem outros nomes como o Caiçara e no Liri. A gente vai discutir isso, mas são esses quatro nomes levantados e que podem passar na vistoria”, diz o presidente do clube, Mateus Rabelo.

O gramado do Módulo Esportivo, segundo Mateus, não apresenta condições de jogo. “A ideia é jogar no Centro de Içara e em um bairro. O campo do Módulo não tem condições. A gente foi lá ver e não tem condições, infelizmente. Está meio abandonado faz algum tempo e a parte de gramado não tem condições”, diz.

Uniforme principal será da cor azul

As cores do Içara Futebol Clube são as mesmas da bandeira do município: azul, vermelho e branco. A partir daí, o uniforme será desenvolvido. “A gente tem o escudo. As cores do uniforme serão as cores da bandeira de Içara: azul, vermelho e branco. Vamos fazer dois uniformes, um deles será azul. O outro não definimos ainda. Vamos divulgar em breve. Estamos terminando os detalhes”, ressalta o presidente.

O projeto está montado para ser histórico na cidade. “Vamos começar com escolinha de futebol, ter estádio próprio, programa de sócio-torcedor já no ano que vem. Então, vamos entrar com um pessoal bem forte. São 10 times: duas pessoas de cada time fazem o Içarense – que sai caro. É mais fácil organizar esse time, que vai ter bastante gente para ajudar, do que organizar o Campeonato Içarense”, diz.

A intenção é jogar diversos campeonatos na região. “Em princípio, a Larm, quem sabe uma LUD. No futuro, quem sabe um Praião”, finaliza Mateus.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.