Forquilhinha: futsal volta a disputar categorias no estadual

A comissão técnica avalia em ano de bons resultados para a modalidade no município

Foto: Divulgação

- PUBLICIDADE -

As equipes de futsal de Forquilhinha voltam a estar em três categorias do estadual depois de quatro anos, a comissão técnica formada pelos professores João Carlos Nunes e Marcelo Just avalia como resultado de um novo projeto que conta com todo apoio e a determinação do governo municipal, por meio do Departamento Municipal de Esporte para que o futsal esteja nesse importante cenário.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

Após a pandemia, com os treinos a partir do mês de junho, começou a preparação para o estadual. As equipes disputaram o Campeonato Catarinense nas categorias Sub- 12, Sub- 13 e Sub- 15 e obtiveram resultados satisfatórios para um trabalho de apenas cinco meses de treinamentos. “Reformulamos toda organização do futsal da cidade e buscamos focar nos três núcleos de treinos dentro da Forquilhinha, nos ginásios do Ideal, Seara e SESC. Nesse primeiro momento, no primeiro torneio que participamos em São João Batista, fomos campeões da Copa Amizade realizada na FUBE. Na sequência conquistamos o sétimo lugar no Sub-12, e o oitavo lugar no Sub-13 e Sub-15”, comenta um dos professores, João Carlos Nunes.

Competições regionais

Já em competições regionais, conquistamos o título da série prata do Sub-12 e a conquista do artilheiro do regional Kleberson e do destaque da competição, Kauan Moraes ficou para Forquilhinha. Ainda ficamos em 5° lugar no Sub- 16, 8° lugar no Sub-14 e 10° lugar no Sub- 10. Além do futsal fechar o ano com Sub-13 em 3° lugar, na Copa Amizade realizada no Colégio Michel.
“Analisando esses cinco meses de treino e trabalho a comissão técnica prevê um 2022 com resultados melhores e um futsal de Forquilhinha mais forte com mais atletas da cidade de Forquilhinha nas escolinhas e nas equipes de competição. Totalizam mais de 170 atendimentos mensais e terminamos o ano com 159 alunos frequentes”, relata o professor Marcelo Just.

A volta do futsal feminino

Após 9 anos sem o futsal feminino, Forquilhinha voltou a contar com equipes de base e adulto. “Iniciamos os treinos no mês de agosto com a divulgação nas escolas para as categorias de base (11 a 16 anos) e reunimos ex-atletas para a formação de uma equipe adulta. Em um mês já estávamos com mais de 35 meninas em treinamento. Participamos do regional da ADESC nas categorias Sub-15 e na categoria adulta. Na categoria Sub- 15 conquistamos a terceira colocação e no adulto ficamos em quarto lugar. Além de participar do regional do Jogos Abertos de Santa Catarina (JASC), disputado em Criciúma, onde conquistamos o bronze. Nós da comissão técnica vimos como positivo os resultados, pois foram anos sem a modalidade, onde resgatamos tanto os atletas como resultados importantes”, pontua o professor João Carlos Nunes.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.