Cocal do Sul: A volta dos treinos no Anjos do Futsal

Categorias de base iniciam os trabalhos atendendo todos os protocolos exigidos. Neste ano, as práticas acontecem em Cocal do Sul

- PUBLICIDADE -

Cocal do Sul

As equipes de categorias de base do Anjos do Futsal iniciaram os treinos depois de quase um ano e meio com as atividades paradas. São meninos e adolescentes das categorias sub-8 a sub-16 que estão participando dos treinamentos do projeto cumprindo todos os protocolos definidos pela Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte) para começarem a se preparar para as competições. A parceria neste ano de 2021 é com Cocal do Sul e o primeiro desafio será no Campeonato Estadual de Futsal – Categoria Sub-15, agendado para os dias 16 e 17 de julho.

- PUBLICIDADE -

O coordenador técnico do Anjos do Futsal, Jean Reis, conta que depois de tanto tempo parado, estão reconstruindo as categorias de base do projeto, mesmo com alguns atletas que permaneceram. “Este é um recomeço, por isso o objetivo para 2021 será o retorno aos treinos e fazer com que os atletas retomem a forma física e adquiram a parte técnica, o resultado virá depois com o desenvolvimento do trabalho”, destaca.

O Campeonato Estadual de Futsal – Categoria Sub-15 conta com 12 equipes e todas jogam entre si divididas em cinco rodadas e classificam as oito melhores na classificação geral. Contra Cocal do Sul/Coopercocal/Anjo Futsal vão jogar Forquilhinha e FUBE/São João Batista.

Outro desafio para o Anjos do Futsal neste ano será demonstrar a força e o trabalho desenvolvido no projeto durante estes 20 anos para o novo município parceiro das categorias de base que é Cocal do Sul. “Estamos sendo muito bem recebidos pela administração municipal de Cocal do Sul que está nos dando todo o suporte necessário e estrutura para recomeçar os trabalhos e esperamos trazer novas conquistas para o município”, conclui Jean Reis.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.