Caravaggio joga de olho na liderança

Azulão da Montanha visita o Batistense, em São João Batista, no domingo, tentando se isolar na ponta de cima da Série C do Catarinense


- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

São João Batista

- PUBLICIDADE -

Com o mesmo número de pontos do Itajaí e do Blumenau, o Caravaggio visita o Batistense, em São João Batista, no domingo, a partir das 15 horas. O time de Nova Veneza vem de três vitórias seguidas na Série C do Catarinense e tem nove pontos na classificação. Restando cinco rodadas para o final do turno, o Azulão da Montanha busca uma das duas primeiras posições na tabela, para garantir uma das vagas na Segunda Divisão Estadual no ano que vem.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

Nas partidas mais recentes, o time treinado por Serraninho tem apresentado oscilações no desempenho. Diante do Porto, o time chegou a estar vencendo por 4 a 0, mas permitiu a reação do adversário, antes de confirmar a vitória por 6 a 3. Esse ponto específico está sendo trabalhado pela comissão técnica do Azulão. “A gente tem construído, na cabeça do atleta, uma situação de não ‘baixar a guarda’, só com conversa mesmo. Nos treinamentos, temos executado as atividades, mas ainda estamos apresentando essas dificuldades. Na base da conversa, isso vai ser acertado. Porém, temos que destacar também o empenho dos jogadores em campo”, pontua o técnico.

Serraninho confessa que a comissão técnica do Caravaggio já tem um planejamento de pontos para chegar ao acesso, mas não divulga que número é este. “A gente faz um planejamento para atingir determinada pontuação, que nos levará ao acesso. Temos nove pontos e, podem ter certeza, que estamos trabalhando forte para conseguir esse acesso, o mais rápido possível”, diz.

Para o confronto diante do Batistense, o elenco do Azulão ainda treina na sexta e no sábado. “Nós vamos trabalhar o time e estudar a equipe adversária para construir uma estratégia boa para o jogo”, comenta.

O centroavante Wagnão deve estar em campo novamente e reforça o objetivo de conquistar o acesso com o Azulão. “É mais gratificante ainda se a gente conseguir coroar esse primeiro ano do Caravaggio no Profissional com o acesso”, diz. O centroavante espera poder ajudar ainda mais o time neste domingo. “De todas as formas eu quero ajudar: com gols, assistências ou criando jogadas. Eu quero ajudar esse grupo a crescer na competição”, finaliza.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.