Ainda sem técnico, Tigre treina forte

Dirigentes seguem a busca por uma nova Comissão Técnica, enquanto isso, preparadores físicos do clube intensificam a preparação

- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

A semana começa sem uma definição, por parte da diretoria, sobre o nome do novo treinador do Criciúma. O Executivo de Futebol, Juliano Camargo, passou o final de semana em São José dos Campos, interior de São Paulo, tratando da mudança em definitivo para a Capital do Carvão. Mesmo assim, ele estabeleceu contato com os demais diretores do clube e intensificou a sondagem sobre nomes. Uma definição pode sair hoje ou, no máximo, até o meio da semana.

Enquanto isso, os jogadores tiveram uma manhã de sábado com um trabalho físico intenso na cancha de areia do Centro de Treinamento Antenor Angeloni. O grupo de atletas foi submetido a uma atividade com os preparadores físicos Gaetano Lupatini e Cléber Orleans, e com o fisiologista Luiz Guilherme.

O treino abriu o mês em que o Tigre estreia no Campeonato Brasileiro da Série C. Os carvoeiros seguem a preparação para a competição nacional, que ocorre no fim de maio, contra o Ituano, e também para a terceira fase da Copa do Brasil, contra o América Mineiro, que ocorre no início de junho. As datas dos confrontos serão confirmadas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). O grupo se reapresenta hoje. O treinamento ocorre às 15h30min no CT Antenor Angeloni.

Santa Cruz sonda goleiro Gustavo

Apesar da má fase, os jogadores do elenco do Criciúma despertam interesse de outros clubes. O Santa Cruz, de Recife, fez uma sondagem pelo goleiro Gustavo. O jogador tem vínculo até o final da temporada com o Tigre, mas, atualmente, está na reserva de Alisson. A diretoria do clube não confirma o interesse.

Gustavo fez nove jogos pelo Criciúma e não sabe o que vencer: cinco empates e quatro derrotas. O goleiro tem 28 anos e atuou no Catarinense e na Copa do Brasil.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.