A primeira decisão da semana para o Criciúma

Diante do Joinville, a partir das 20 horas, Tigre precisa da vitória para seguir adiante na Copa Santa Catarina sem precisar de resultados paralelos. Auxiliares comandam o time no banco de reservas


- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Joinville

- PUBLICIDADE -

A semana decisiva do Tricolor Carvoeiro começa hoje, a partir das 20 horas, diante do Joinville, fora de casa. Para ficar entre os quatro melhores, na Copa Santa Catarina, o time precisa vencer o rival do Norte. Em caso de empate ou até mesmo derrota, o Tigre necessitará de resultados paralelos para seguir adiante na competição estadual.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

A comissão técnica do Criciúma conscientizou os jogadores, em conversa, na manhã de segunda-feira, sobre a importância do time seguir adiante na disputa catarinense. “Queremos conscientizar os jogadores da responsabilidade que nós temos de alcançar essa classificação na Copa Santa Catarina, pela estrutura do Criciúma, pela camisa e o que o clube representa em Santa Catarina. Então, nós temos que colocar tudo isso para os jogadores. O título da Copa Santa Catarina gera calendário para o clube, no ano que vem, e dá currículo para os jogadores”, diz o auxiliar Aléssio Antunes.

O fato do Joinville estar eliminado da competição não deve trazer facilidade ao Criciúma. “A gente sabe que é aí que os jogadores crescem e aparecem. Eles vão fazer de tudo para dificultar a nossa classificação. Estamos cientes disso: atletas e comissão técnica”, completa Aléssio.

Reforços experientes no time titular

Durante grande parte dos jogos da Copa Santa Catarina, o Criciúma utilizou uma equipe reserva, mesclada com jovens. Para o jogo de hoje, o time será ainda mais reforçado com Arilson, Dudu Figueiredo e Luiz Paulo. Eles atuarão para ganhar ritmo de jogo, já pensando no jogo de domingo, contra o Ituano, pela Série C – em nova decisão para o Criciúma. “A gente tem esses jogadores que vão fazer parte do processo. Eles foram convocados para esse jogo para manter a rotina e a minutagem. Servirá também para melhorar a competitividade deles. Logicamente que, com mais jogadores experientes para ajudar os mais novos, vai melhorar bastante e deixar a equipe competitiva em busca da classificação”, comenta Aléssio.

Destaques na partida diante do Marcílio Dias, na semana passada, os jovens João Carlos e Pedrinho podem aparecer entre os titulares. Porém, a chance maior é para a entrada no decorrer da partida. “Eles vêm conseguindo aproveitar as oportunidades e estão ganhando destaque no elenco profissional. Isso não apenas na Copa Santa Catarina, mas para todo o processo. O jogo é difícil, ganhamos o acréscimo de alguns atletas mais experientes para conduzir a partida. Se possível, eles vão continuar entrando para dar sequência ou como titulares para aproveitarem da melhor maneira e a gente poder sair com a vitória”, pontua o também auxiliar técnico do Criciúma, Lalo.

Time será revelado momentos antes do jogo

Como já se tornou praxe no futebol, o time titular só será conhecido uma hora antes da partida. Porém, Lalo garante que o time terá equilíbrio, mas não revela sequer o esquema tático que será adotado: com dois ou três atacantes. “A equipe vai manter o equilíbrio, como vinha fazendo nos últimos jogos, sem deixar de buscar a vitória a todo momento, pois precisamos do resultado positivo para classificação. Dependendo do andar dos outros jogos, as combinações podem nos favorecer, mas a gente sai daqui com um time bem equilibrado para ser ofensivo e não dar espaço para o adversário nos surpreender”, diz.

Rival terá técnico interino no confronto

Sem calendário nacional para 2022 e eliminado na Copa Santa Catarina, o Joinville está mergulhado em uma profunda crise. O técnico Leandro Zago deixou o time na segunda-feira. Para o confronto de hoje, Elizeu Ferreira comandará a equipe. Mesmo assim, os auxiliares do Criciúma não consideram um ponto favorável ao time. “Sabemos que o Joinville teve troca de treinador, mudança de comissão, ganha um estímulo a mais, então, temos que ir preparados para não sermos surpreendidos lá dentro”, diz Aléssio.

A cautela faz parte do discurso do auxiliar. “A gente sabe que a equipe troca de treinador já pensando no próximo ano. Assim como estamos pensando em 2022, eles também estão projetando o planejamento. Os jogadores que vão participar do jogo vão fazer o possível e o impossível para dificultar a nossa classificação. A gente precisa de tranquilidade e maturidade. Sabemos dos resultados que precisamos e vamos conseguir com a ajuda de todos. Vamos fazer uma boa partida e garantir a classificação”, pontua.

Alegria por participar de confrontos importantes

O volante Jessé, que deve ser titular hoje, ressalta a alegria por participar de duas decisões em uma semana. “Quer dizer que os planos que traçamos até aqui: chegar nas duas competições, estamos conseguindo. Essa é a mentalidade. Nós que estamos no Criciúma temos a responsabilidade de conseguir o acesso para a Série B e ganhar a Copa Santa Catarina. Esse é o nosso objetivo e é isso que vamos buscar. Independente de quem vai jogar qual competição, estamos unidos para conquistar com a camisa do Criciúma”, finaliza.

 

Copa Santa Catarina – Turno único – 7ª rodada (Última)

27/10 (quarta-feira) – 20 horas – estádio Arena Joinville, em Joinville

JOINVILLE

Rafael Pascoal; Alison, Fernando, Helerson e Renan Castro; Xavier, Douglas Packer e Renan Oliveira; Uelber, Chrystian e Tadeu. Técnico: Elizeu Ferreira

CRICIÚMA

Alisson; Daniel, Genilson, Zé Marcos e Pedro Rosa; Jessé, Arilson, Dudu Figueiredo e Varolo; Maranhão e Luiz Paulo. Técnico: Aléssio Antunes e Lalo (Auxiliares).

Arbitragem: Rodrigo D’Alonso Ferreira; Auxiliares: Eder Alexandre e Gizeli Casaril

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.