A experiência de Sueliton no Próspera

Lateral-direito já trabalha com a equipe e espera fazer um grande Catarinense com a camisa do Time da Raça

Foto: Divulgação
- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

O Próspera apresentou, no Estádio Mário Balsini, mais um reforço para a disputa do Campeonato Catarinense: o lateral-direito Sueliton. “Muito feliz mesmo de voltar para nossa cidade, cidade que eu amo viver, hoje com um projeto diferente aqui no Próspera, projeto que me chamou muito atenção. Quando recebi o  telefonema do Paulo juntamente ao presidente Israel fiquei muito feliz de poder estar retornando para cá e vir para um projeto bacana como está sendo feito aqui. Espero fazer uma grande temporada aqui no Próspera e fazer aqui também uma grande história”, destaca Sueliton.

Natural de Pernambuco, o lateral de 34 anos tem duas passagens pelo Criciúma, além de ter atuado no Rayo Vallecano-ESP, Athlético Paranaense, Joinville, Figueirense, Goiás, Náutico, entre outros clubes. Sueliton já trabalha com a equipe e participou de alguns dos cinco jogos-treinos que foram realizados nessa preparação para o Catarinense. “O professor Rafael juntamente com toda a comissão tem feito um trabalho muito bem feito aqui, um trabalho que há muito tempo eu não tenho visto nos clubes”, diz.

O jogador acredita que o Próspera está em uma crescente constante. “A cada semana a gente vem crescendo fisicamente e tecnicamente com o grupo. Então a gente espera corresponder ao máximo nesse Campeonato Catarinense e já na próxima semana poder ajudar a equipe”, afirma o lateral.

Treino tático no Mário Balsini

No sábado, o Time da Raça trabalhou no período da manhã no Mário Balsini. O técnico Paulo Baier comandou um treino tático de campo reduzido. Hoje, o elenco se reapresenta no período da tarde para atividades que serão realizadas no Estádio Domingos Gonzales, em Tubarão. Local que será palco da estreia do Próspera no Catarinense contra o Joinville, dia 25 de fevereiro, quinta-feira, às 16h.

Sueliton acredita que o Catarinense é um campeonato complicado “Temos que entender bem a competição. É um campeonato de grandes equipes. O Próspera está retornando após 14 anos, voltando a série A do Campeonato Catarinense e eu vejo um grupo bacana, um grupo forte aqui que está sendo construído, a gente espera que já na primeira partida a gente possa dar grandes resultados. A galera está entendendo bem a ideia do professor Paulo Baier, a gente espera estar junto nessa nova família e poder fazer uma grande história com todos”, finaliza Sueliton.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.